CONTAÇÕES DE HISTÓRIAS VIRTUAIS TRANSFORMAM A REALIDADE HOSPITALAR

Instituto História Viva se reinventa em tempos de isolamento social, levando histórias no formato on-line para crianças que estão internadas

Desde o início da pandemia, o Instituto História Viva tem feito contações de histórias virtuais, tanto pelo SOS Contadores de Histórias quanto pelo Disk Histórias. O Hospital Erasto Gaertner, de Curitiba, no Paraná, foi o primeiro a aceitar essa modalidade, em que os voluntários enviam histórias personalizadas e gravadas em formato de vídeo para as crianças que estão internadas.

“Para evitar o contato físico entre crianças e voluntários, e seguindo as orientações de isolamento social, vimos no movimento virtual uma oportunidade para continuar alegrando a vida das pessoas que se encontram hospitalizadas”, relata Roseli Bassi, fundadora e gestora do Instituto História Viva.

Além da instituição paranaense, o Hospital Infantil Darcy Vargas, de São Paulo, também tem se beneficiado das contações virtuais. “Em contrapartida, mobilizamos uma campanha de doação de tablets, para que os pacientes pudessem assistir às contações em vídeo”, conta.

Nesse processo on-line, as histórias são escolhidas pelas próprias crianças, mediante entrevistas, que são feitas pelas psicólogas das instituições. “Fazemos uma saudação com o nome de cada paciente e seguimos com a contação personalizada. Isso faz com que eles se sintam prestigiados e encantados. Tem sido gratificante despertar sorrisos em tempos tão difíceis, ainda que de forma virtual”, afirma Roseli.

Voluntária Ellen Farias

CAPACITAÇÃO ON-LINE PARA A FORMAÇÃO DE CONTADORES SERÁ REALIZADA EM JUNHO

Transformar histórias de vida em contos de fada, com o objetivo de levar alegria a pessoas em situações de fragilidade física e emocional, modificando a realidade em ambientes hospitalares, lares de idosos e abrigos, por meio da literatura oralizada. Desde a sua fundação, em 2015, essa tem sido a principal missão do Instituto História Viva, que já formou mais de 3.500 voluntários em diferentes estados do Brasil.

Em busca de recursos para a manutenção do Instituto, uma nova turma de contadores virtuais de histórias será aberta, nos dias 23, 24 e 25 de junho, com uma taxa de inscrição de R$ 25,00, enquanto o valor do treinamento presencial é de R$150,00.

“A ideia dessa capacitação é instruir os participantes a contarem histórias com o uso do celular. Os candidatos também precisarão se comprometer a mandar uma história por semana até o final de agosto deste ano, ou até o retorno das atividades presenciais”, reforça a fundadora da instituição.

Ainda de acordo com a gestora, após esse período de isolamento social, os voluntários precisarão completar a formação de modo presencial, passando pela parte prática de contação, seguida da formatura para obter o certificado e o jaleco, que é utilizado durante as visitas realizadas. Para essa etapa final, o valor será de R$125,00, pois os participantes receberão um desconto de R$ 25,00, já investidos no treinamento virtual.

Serviço:
Treinamento Instituto História Viva: “A arte de contar histórias com o uso do celular”
Data: 23, 24 e 25 de junho
Horário: 20h às 21h30, via Zoom
Investimento: R$ 25,00 (etapa virtual) / R$125,00 (etapa presencial, após o período de isolamento social).
Informações e voluntariado: contato@historiaviva.org.br ou (41) 98865-4218.
Quer conhecer mais sobre a ONG? Acesse: www.historiaviva.org.br

Roseli Bassi

Sobre o Instituto História Viva
Fundado em 2005 pela gestora Roseli Bassi, o Instituto História Viva tem como objetivo maior transformar ambientes de dor e sofrimento por meio da literatura oralizada. Por meio deste trabalho, a ONG, que nasceu em Curitiba e, hoje, atua em vários estados brasileiros, tem incentivado a leitura, a educação e a cultura brasileira. Em 15 anos de existência, a entidade já formou 3.500 voluntários na arte de ouvir e contar histórias. Semanalmente, asilos, hospitais, casas lares e abrigos recebem a visita dos voluntários do História Viva que, por ano, atendem cerca de 14 mil pessoas. Seus voluntários apresentam perfis variados e são capacitados a ouvir, escrever, contar e recontar histórias clássicas, casos de vida e contos da literatura brasileira no intuito de levar alegria a indivíduos em situações de fragilidade física e emocional. A seriedade desse trabalho tem rendido premiações diversas à entidade nos segmentos de cultura, educação e ação social.

Saiba mais: www.historiaviva.org.br / www.facebook.com/institutohistoriaviva

SOS ENCANTADORES DE HISTÓRIAS: UM MOVIMENTO VIRTUAL PARA ALEGRAR CRIANÇAS E IDOSOS

Em tempos de isolamento social, por conta da COVID-19, Instituto História Viva cria uma nova modalidade do Projeto Ouvir e Contar

Transformar histórias de vida em contos de fada, com o objetivo de levar alegria a pessoas em situações de fragilidade física e emocional, modificando a realidade em ambientes hospitalares, lares de idosos e abrigos, por meio da literatura oralizada. Desde a sua fundação, em 2015, essa tem sido a principal missão do Instituto História Viva, que já formou mais de 3.500 voluntários em diferentes estados do Brasil.

E foi diante da atual situação, por conta da COVID-19, que o Instituto resolveu dar continuidade ao atendimento a essas pessoas, agora de um novo jeito: de forma virtual, via WhatsApp.

“Seguindo as orientações de isolamento social e a fim de evitar o contato físico entre idosos, crianças e voluntários, criamos essa nova modalidade do Projeto Ouvir e Contar. Por meio desse movimento virtual, pretendemos alegrar a vida de idosos e crianças”, relata Roseli Bassi, fundadora e gestora do Instituto História Viva.

Além das crianças em situação vulnerável, o projeto visa atender e entreter crianças em geral, que estão em suas casas, nesse momento longe dos amigos e da escola. “Todos poderão contribuir com histórias, que serão encantadas pelos voluntários e contadas às crianças por meio do YouTube. Na etapa seguinte, elas farão os desenhos a serem entregues aos idosos. Inclusive, a arte será fotografada e enviada via WhatsApp”, conta Roseli.

Quer participar do SOS Encantadores de Histórias?
1) Curta a nossa Página no facebook: bit.ly/sos-encantadores-de-historias
2) Converse com um idoso, preferencialmente por telefone, a fim de preservá-lo e evitar a disseminação do coronavírus.
3) Envie um acontecimento da infância desse idoso para o WhatsApp do Instituto – (41) 98865-4218.
4) Após o seu envio, um dos voluntários vai encantar essa história ou acontecimento e transformará em “conto de fadas”.
5) Essa história será contada a alguma criança que, após ouvir, fará um desenho.
6) O Instituto História Viva devolverá essa história encantada ao idoso com a arte de uma criança.

Serviço:
“SOS Encantadores de Histórias ” – Instituto História Viva
Informações e voluntariado: (41) 98865-4218 .
Quer conhecer mais sobre a ONG?
Acesse: www.historiaviva.org.br 

Sobre o Instituto História Viva:  
Fundado em 2005 pela gestora Roseli Bassi, o Instituto História Viva tem como objetivo maior transformar ambientes de dor e sofrimento por meio da literatura oralizada. Por meio deste trabalho, a ONG, que nasceu em Curitiba e, hoje, atua em vários estados brasileiros, tem incentivado a leitura, a educação e a cultura brasileira. Em 15 anos de existência, a entidade já formou 3.500 voluntários na arte de ouvir e contar histórias. Semanalmente, asilos, hospitais, casas lares e abrigos recebem a visita dos voluntários do História Viva que, por ano, atendem cerca de 14 mil pessoas. Seus voluntários apresentam perfis variados e são capacitados a ouvir, escrever, contar e recontar histórias clássicas, casos de vida e contos da literatura brasileira no intuito de levar alegria a indivíduos em situações de fragilidade física e emocional. A seriedade desse trabalho tem rendido premiações diversas à entidade nos segmentos de cultura, educação e ação social.
Saiba mais: www.historiaviva.org.br 
Fanpage: ww.facebook.com/institutohistoriaviva

HISTÓRIA VIVA ABRE NOVA TURMA PARA CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS EM CURITIBA

Instituto promove a oficina “A Arte de Contar Histórias”, com formação da 35ª turma de voluntários da capital paranaense

Desde a sua fundação, em 2005, o Instituto História Viva já formou mais de 3 mil voluntários na arte de contar histórias. E para iniciar as atividades de 2018, nos dias 13 e 14 de janeiro, a ONG curitibana reabre o calendário de cursos com a oficina “A Arte de Contar Histórias”.

“Essa será a 35ª turma de voluntários de Curitiba. A oficina é um pré-requisito para quem deseja se tornar um voluntário do Instituto História Viva e também pode ser feita por educadores, cuidadores de idosos, pais, avós e interessados em geral”, afirma a gestora Roseli Bassi. Após a conclusão, os participantes interessados em se tornar voluntários da ONG serão convidados para o Ciclo de Palestras do Programa de Voluntariado.

As vagas para a oficina “A Arte de Contar Histórias”, em Curitiba, são limitadas. As inscrições podem ser feitas até 11 de janeiro de 2018. Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail voluntario@historiaviva.org.br ou pelo WhatsApp 41 98865-4218.

Serviço:
Oficina “A Arte de Contar Histórias” – 35ª turma de voluntários de Curitiba
Local: Praça General Ozório, 225 – Salão de Eventos – centro de Curitiba/PR
Carga horária: 10 horas
Datas: 13 e 14/01/2018
Horário: sábado das 9h às 17h e domingo das 9h às 12h
Contribuição: R$ 150,00
Inscrições no site: www.historiaviva.org.br
Informações: voluntario@historiaviva.org.br / WhatsApp (41) 98865-4218

Sobre o Instituto História Viva
Fundado em 2005 pela gestora Roseli Bassi, o Instituto História Viva tem como objetivo maior transformar ambientes de dor e sofrimento por meio da literatura oralizada. Por meio deste trabalho, a ONG curitibana tem incentivado a leitura, a educação e a cultura brasileira. Em 13 anos de existência, a entidade já formou mais de 3 mil voluntários na arte de ouvir e contar histórias. Semanalmente, asilos, hospitais, casas lares, abrigos e orfanatos recebem a visita dos voluntários do História Viva que, por ano, atendem cerca de 14 mil pessoas. Seus voluntários apresentam perfis variados e são capacitados a ouvir, escrever, contar e recontar histórias clássicas, casos de vida e contos da literatura brasileira no intuito de levar alegria a indivíduos em situações de fragilidade física e emocional. A seriedade deste trabalho tem rendido premiações diversas à entidade nos segmentos de cultura, educação e ação social.

Saiba mais:
www.historiaviva.org.br
www.facebook.com/institutohistoriaviva

PRAÇA ENCANTADA DO SHOPPING TOTAL RECEBE CONTAÇÕES DE HISTÓRIAS

Os voluntários do Instituto História Viva apresentam clássicos da literatura às crianças durante todo o mês de outubro. A entrada é franca

O Dia das Crianças passou, mas as comemorações continuam a todo o vapor no Shopping Total Curitiba. Os contadores de histórias da ONG Instituto História Viva estão animando a Praça Encantada do centro comercial de quarta a sexta até o dia 27 de outubro. A entidade, que capacita voluntários na arte de contar histórias há mais de 10 anos, apresenta clássicos da literatura no local sempre a partir das 19h. E o melhor: a entrada é franca! É só comparecer e aproveitar a programação.

Fundado em 2005 pela gestora Roseli Bassi, o Instituto História Viva tem como missão transformar ambientes de dor e sofrimento por meio da literatura oralizada. Por meio deste trabalho, a ONG curitibana tem incentivado a leitura, a educação e a cultura brasileira. Durante os seus mais de 10 anos de existência, a entidade já formou mais de três mil voluntários na arte de ouvir e contar histórias. Semanalmente, asilos, hospitais, casas lares, abrigos e orfanatos recebem a visita dos voluntários do História Viva que, por ano, atendem cerca de 14 mil pessoas.

Os contadores de histórias do Instituto apresentam perfis variados e são capacitados a ouvir, escrever, contar e recontar histórias clássicas, casos de vida e contos da literatura brasileira e mundial no intuito de levar alegria a indivíduos em situações de fragilidade física e emocional e em espaços culturais diversos. A seriedade deste trabalho tem rendido premiações variadas à entidade nos segmentos de cultura, educação e ação social.

Serviço:
Momento História Viva no Shopping Total
Local: Na Praça Encantada do Shopping Total Curitiba
Endereço: Rua Itacolomi, 292Portão – Praça de Eventos (Setor Azul)
Datas: sessões de contação de histórias de quarta a sexta, às 19h, durante todo o mês de outubro.
Custo: Gratuito

Histórias da Semana: de 18 a 20 de outubro
· História com Mágica
· Cinderela
· Fábulas
· Polegarzinha
· O Sapo da Boca Grande
· Festa no Céu
· A Hora do Desconto
· Peter Pan

Mais informações:
historiaviva.org.br/site/
www.facebook.com/institutohistoriaviva/

TEM PROGRAMAÇÃO GRATUITA COM O HISTÓRIA VIVA NO SHOPPING TOTAL

Tem programação gratuita com o História Viva no Shopping Total

Em comemoração ao Dia das Crianças, a Praça Encantada vai receber os contadores de histórias da entidade durante todo o mês de outubro

Os contadores de histórias da ONG Instituto História Viva já começaram a animar o Shopping Total Curitiba em comemoração ao Dia das Crianças. A entidade, que capacita voluntários na arte de contar histórias há mais de 10 anos, tem ocupado a Praça Encantada do shopping de quarta a sexta durante todo o mês de outubro. As sessões acontecem sempre às 19h, com exceção do feriado do dia 12, que terá apresentações às 16h. As narrações de contos e causos foram selecionadas a dedo para divertir a criançada. E o melhor: a entrada é franca! É só comparecer ao local e aproveitar a programação. 

Fundado em 2005 pela gestora Roseli Bassi, o Instituto História Viva tem como missão transformar ambientes de dor e sofrimento por meio da literatura oralizada. Por meio deste trabalho, a ONG curitibana tem incentivado a leitura, a educação e a cultura brasileira. Durante os seus mais de 10 anos de existência, a entidade já formou mais de três mil voluntários na arte de ouvir e contar histórias. Semanalmente, asilos, hospitais, casas lares, abrigos e orfanatos recebem a visita dos voluntários do História Viva que, por ano, atendem cerca de 14 mil pessoas.

Os contadores de histórias do Instituto apresentam perfis variados e são capacitados a ouvir, escrever, contar e recontar histórias clássicas, casos de vida e contos da literatura brasileira no intuito de levar alegria a indivíduos em situações de fragilidade física e emocional e em espaços culturais diversos. A seriedade deste trabalho tem rendido premiações diversas à entidade nos segmentos de cultura, educação e ação social.

Serviço:
Momento História Viva no Shopping Total
Local: Na Praça Encantada do Shopping Total
Endereço: Rua Itacolomi, 292 – Portão – Curitiba – Praça de Eventos (Setor Azul)

Datas: sessões de contação de histórias de quarta a sexta, às 19h, durante todo o mês de outubro. No dia 12, excepcionalmente, a sessão acontece às 16h.
Custo: Gratuito
Histórias da Semana: de 11 a 13 de outubro
· Histórias com Mágicas
· Pinóquio
· Patinho Feio
· Bom dia todas as cores
· A Galinha Ruiva
· Branca de Neve
· A Princesa e a Ervilha
Mais informações: aqui
www.facebook.com/institutohistoriaviva/