BALÉ TEATRO GUAÍRA ESTREIA ESPETÁCULO INTERNACIONAL EM CURITIBA

BTG dança Wachter Winkler e Scafati / foto de Cayo Vieira

Após apresentações no Guairão, a montagem segue em turnê pela Alemanha

Por meio de um acordo de cooperação em intercâmbio artístico-cultural, em 2016 a Associação de Bailarinos e Apoiadores do Balé Teatro Guaíra, a ABABTG, recebeu em Curitiba três renomados coreógrafos atuantes na Alemanha. Os profissionais vieram à capital paranaense aceitando o desafio de coreografar um novo espetáculo em parceria com o BTG. O trabalho foi tão bem-sucedido que resultou no espetáculo inédito “Balé Teatro Guaíra dança Wachter, Winkler e Scafati” e abriu as portas para a companhia sair em turnê inédita por cidades alemãs. Antes da temporada internacional, porém, a montagem terá estreia em Curitiba, nos dias 7 e 8 de novembro.

Os coreógrafos Christoph Winkler, Katja Wachter e Roberto Scafati – participantes do Internationales Solo-Tanz-Theater, evento de vanguarda realizado anualmente em Stuttgart – são os responsáveis pelo trabalho com estreia prevista no Guairão. Foi em julho de 2016, em um intenso ritmo de pesquisa e composição coreográfica junto aos bailarinos do BTG, que os artistas vieram ao Brasil e propuseram três coreografias contemporâneas para compor esse espetáculo inovador.

O espetáculo faz parte do projeto BTG X Alemanha, realizado graças à parceria da com o Centro Cultural Teatro Guaíra – CCTG, o Internationales Solo-Tanz-Theater e a Solo Connection – e tem ainda o Hospital Pequeno Príncipe como instituição beneficiada. “O intercâmbio de artistas de diferentes nacionalidades é um sonho da ABABTG desde a sua fundação, há exatos 10 anos. O Projeto BTG X Alemanha veio tornar este sonho realidade por meio das parcerias firmadas. É uma ação que servirá de modelo para novas iniciativas de cooperação nacionais e internacionais”, declara Simone Bönisch, diretora da ABABTG e coordenadora do projeto BTG X Alemanha ao lado do também coordenador Jorge Schneider.

Após a estreia em Curitiba, o espetáculo “Balé Teatro Guaíra dança Wachter, Winkler e Scafati” segue em turnê internacional entre os dias 26 de novembro e 13 de dezembro com 11 apresentações em nove cidades da Alemanha.

Sinopse das Coreografias
Balé Teatro Guaíra dança Wachter, Winkler e Scafati

Por Christoph Winkler: “lost my choreographer on the way to the dressing room”
Essa coreografia trata das recentes mudanças na relação entre coreógrafos e dançarinos com o advento das formas de trabalho participativo e a emancipação geral dos dançarinos dentro da dança contemporânea. Ao criar um “coletivo temporário”, Winkler tenta encontrar uma resposta para a pergunta: como podemos dançar juntos? A coreografia problematiza essa questão e lida diretamente com todas as expectativas, mal-entendidos e diferenças culturais que partem do encontro entre coreógrafo e bailarinos.

Por Katja Wachter: “I share”
Essa coreografia faz uma reflexão sobre a dimensão que o termo “compartilhamento” ganhou diante do mundo virtual contemporâneo onde, na intenção de obter cada vez mais cliques e seguidores, tudo é intensamente compartilhado – mais como um hábito narcótico e compulsivo do que como um ato altruista. Nesta montagem, dança-se e questiona-se essa auto promoção infinita que divide o homem em múltiplas identidades e que, por vezes, sacrifica a conversação pessoal e íntima em prol da mera conexão virtual. Coloca-se em cena a problematização: “eu compartilho, logo, existo”.

Por Roberto Scafati: “CHARME”
Aborda-se o “charme” nesta coreografia como uma atração espontânea, um poder mágico de atração, um presente precioso para dar e receber. Mais do que um vislumbre ou um sorriso, tem-se o charme como uma inteligência emocional que supera barreiras, uma competência pertencente não apenas aos seres humanos. A coreografia de Scafati vai além, inspirando-se em uma possível atração entre flores e pedras, fogo e água, sol e gelo e tantos outros fenômenos da natureza. Expressa que o charme pode estar em todos os lugares se alguém estiver sensível para percebê-lo e ser atraído por ele.

Serviço da estreia no Brasil
Balé Teatro Guaíra dança Wachter, Winkler e Scafati
Datas: 7 e 8 de novembro
Horário: às 20h30
Local: Teatro Guaíra – Auditório Bento Munhoz da Rocha Netto (Guairão)
Endereço: Rua Conselheiro Laurindo, s/nº
Ingressos: R$ 20,00 | pelo DiskIngressos e na bilheteria do teatro
Mais informações: www.facebook.com/ababtgoficial
Coprodução: ABABTG – Associação de Bailarinos e Apoiadores do Balé Teatro Guaíra, CCTG – Centro Cultural Teatro Guaíra, Internationales Solo-Tanz-Theater e Solo Connection.

Serviço da Turnê pela Alemanha
Balé Teatro Guaíra dança Wachter, Winkler e Scafati

· Cidade: Karlsruhe.
Data: 28/11. Local: TANZ KARLSRUHE-Staatstheater Kleines Haus

· Cidade: Stuttgart.
Data: 29/11. Local: TREFFPUNKT Rotebühlplatz

· Cidade: Regensburg
Data: 01/12. Local: Regensburger Tanztage

· Cidade: Ulm
Data: 02/12. Local: Theater Ulm

· Cidade: Lindau
Data: 03/12. Local: Theater Lindau

· Cidade: München
Data: 5 e 6/12. Local: Schwere Reiter

· Cidade: Braunschweig
Data: 08/12. Local: Staatstheater Kleines Haus

· Cidade: Heidelberg
Data: 10/12. Local: HebelHalle

· Cidade: Augsburg
Data: 11 e 12/12. Local: BrechtBühne – Stadtheater

Mais informações: www.facebook.com/ababtgoficial

Coprodução: ABABTG – Associação de Bailarinos e Apoiadores do Balé Teatro Guaíra, CCTG – Centro Cultural Teatro Guaíra, Internationales Solo-Tanz-Theater e Solo Connection. (Lei de Incentivo à Cultura. Realização: Ministério da Cultura, Governo Federal.)

ABABTG – Fundada em 2007, a Associação de Bailarinos e Apoiadores do Balé Teatro Guaíra surgiu para fortalecer a dança e demais artes motivando uma ligação sinérgica entre os setores público e privado. Para tanto, tem desenvolvido projetos culturais que promovam ações de formação, atualização, divulgação e fomento da dança, em suas diversas linguagens. A formação de público e o apoio à gestão de carreira de seus associados bailarinos, ex-bailarinos e apoiadores do Balé Teatro Guaíra também estão entre os compromissos da ABABTG. Formalizada como uma agremiação artística e cultural de caráter civil e personalidade jurídica e recentemente qualificada como Organização Social, a Associação tem demonstrado uma atividade intensa desde a sua fundação. Entre os seus principais eventos está a Mostra Paranaense de Dança, realizada anualmente em diferentes cidades do Estado para incentivar e valorizar bailarinos e grupos amadores e promover apresentações profissionais a preços populares.
www.ababtg.org.br/mostra | https://www.facebook.com/ababtgoficial/

Balé Teatro Guaíra – O Balé Teatro Guaíra (BTG) foi criado pelo Governo do Estado do Paraná em 1969 e se tornou uma das mais importantes companhias de dança oficiais do Brasil. Durante o seu percurso, o BTG realizou mais de 140 coreografias acumulando um importante repertório de representatividade histórica e obras consagradas. Atualmente, a Cia desenvolve o seu trabalho focada na diversidade da dança contemporânea com propostas ousadas e autênticas, mas sem perder de vista a tradição. Entre as suas obras mais emblemáticas, estão: “A Sagração da Primavera” (2012 – de Igor Stravinsky e coreografia da portuguesa Olga Roriz), “Predicativo do Sujeito” (2013 –de Alex Soares ao som do Bolero de Ravel), “Cinderela” (2014 – criada com exclusividade para os 45 anos da Cia pelo espanhol Gustavo Ramirez Sansano), “Orikis e Trânsito” (2015 – da baiana Ana Vitória) e “Romeu e Julieta” (coreografia de Luiz Fernando Bongiovanni, música de Prokofiev). O BTG ainda valoriza projetos de acessibilidade à dança e formação de plateia. É neste sentido que a Cia contribui com o fortalecimento e perpetuação dos bens culturais paranaenses e brasileiros, estabelecendo um diálogo com a contemporaneidade e preservando a sua história, aqui

GROTESC-O-VISION EXIBE SELEÇÃO INTERNACIONAL DE LONGAS COM O MELHOR DO CINEMA DE HORROR

Programação conta com 5 produções recentes de diversos países, e uma sessão especial de um clássico de Ed Wood, além de mostra competitiva de curtas

Curitiba, 26/10/17 – Lide Multimídia – Na semana em que se comemora o Halloween (ou Dia Das Bruxas), será realizada em Curitiba a quarta edição do Grotesc-O-Vision, mostra internacional de cinema de horror e grotesco, que contará com exibições de filmes, oficinas, painéis e rodas de bate-papo com realizadores e exibidores ligados ao gênero. O evento vai de 30 de outubro a 02 de novembro (segunda a quinta-feira), com todas as atividades concentradas no Auditório Salvador de Ferrante do Teatro Guaíra (Guairinha). Todas as exibições têm entrada gratuita.

Para a mostra de filmes de longa-metragem, foram selecionados 6 títulos. Entre os destaques, está a estreia latino-americana de “Virgin Cheerleaders in Chains”, filmado nos EUA e dirigido pelo curitibano Paulo Biscaia Filho, sendo seu primeiro trabalho internacional, em uma coprodução Austin-Curitiba (EUA/BRA). Parte da equipe norte-americana do filme estará presente no evento.

Filmes de diversas partes do mundo
A seleção conta ainda com o australiano “Red Christmas (que tem no elenco a atriz Dee Wallace, que nos anos 80 atuou em “E.T. – O Extraterrestre” interpretando a mãe do menino Elliot), “Freak Out” (de Israel), “Noite do Virgem” (Espanha), “Replace” (Alemanha / Canadá) e uma sessão especial do clássico do cinema trash “Plan 9 From Outer Space”.

Esta sessão especial será realizada na noite de Halloween (31 de outubro) e contará com encenações ao vivo, do elenco da peça teatral “Acordei Cedo No Dia Em Que Morri”, dirigida por Paulo Biscaia Filho, que garante que haverá discos voadores pendurados sobre a plateia, entre outros recursos. “Plan 9 From Outer Space” é o mais conhecido filme de Ed Wood, considerado o pior diretor de todos os tempos, mas que ainda assim é cultuado e continua inspirando novas gerações com sua história de incansável vontade de realizar suas produções (ele ganhou até uma cinebiografia dirigida pelo consagrado diretor Tim Burton, nos anos 90).

Curtas, creepypastas e outras atividades
A programação de filmes contará também com uma mostra competitiva de curtas-metragens, que serão exibidos em 5 sessões no decorrer dos 3 primeiros dias de evento. No quarto e último dia, serão anunciados os vencedores desta mostra. Nesta mesma noite, o público poderá apreciar e se assustar com uma novidade: as Creepypastas, um sarau de contação de histórias de terror.

Além da programação de filmes, Grotesc-O-Vision 2017 terá duas oficinas (“História do cinema de horror contemporâneo” e “efeitos especiais”), 3 painéis com realizadores do cinema nacional, rodas de bate-papo com canais de TV (Space e A&E) e cobertura especial do Canal Brasil.

O Grotesc-O-Vision 2017 é um projeto realizado com o apoio do Programa de Apoio e Incentivo à Cultura – Fundação Cultural de Curitiba e da duas oficinas (“História do cinema de horror contemporâneo” e “efeitos especiais”), 3 painéis com realizadores do cinema nacional, rodas de bate-papo com canais de TV (Space e A&E) e cobertura especial do Canal Brasil.Prefeitura Municipal de Curitiba, com incentivo da Ebanx Payments e realização da Vigor Mortis e Moro Filmes. O evento contará com os canais convidados Space e A&E, e cobertura especial do Canal Brasil. O Spooky Movie – International Horror Film Fest é colaborador dessa mostra.

O que você acha de ir em uma projeção do clássico de Ed Wood “Plan 9 from outer Space” com direito a discos voadores pairando sobre suas cabeças e com a participação ao vivo do elenco da peça ACORDEI CEDO NO DIA EM QUE MORRI ? No Grotesc-O-Vision vai ter!!! Dia 31/11 às 21h no Centro Cultural Teatro Guaíra!

Serviço:
Mostra Grotesc-O-Vision 2017
Datas: de 30 de outubro a 02 de novembro
Horários: das 9h às 21h
Local: Auditório Salvador de Ferrante do Teatro Guaíra (Guairinha)
Endereço: Rua XV de Novembro, 971 – Centro (Curitiba – PR)
Entrada: mostras, painéis e rodas de bate-papo gratuitos. Oficinas com inscrições abertas a R$ 40,00 cada.
Informações: vigormortis@vigormortis.com.br
Página no Facebook: www.facebook.com/grotescovision/

MÚSICO DO QUINTETO ASTOR PIAZZOLLA TEM CONEXÃO COM O BRASIL

Quinteto Astor Piazzolla se apresenta na Ópera de Arame em Curitiba, e entre seus solistas está Lautaro Greco, que já tocou em DVD ao vivo da cantora Marisa Monte

Curitiba, 27/10/17 – Lide Multimídia – Curitiba receberá o espetáculo musical do Quinteto Astor Piazzolla, que se apresentará na Ópera de Arame (Curitiba, PR) em 10 de novembro. Com o objetivo de tocar músicas de Astor Piazzolla, o grupo foi formado na Argentina há mais de 20 anos pela viúva do músico, Laura Escalada, que designou cinco solistas com a finalidade de continuar difundindo o legado do famoso maestro e compositor portenho que revolucionou o tango.

Todos os cinco músicos têm históricos admiráveis. Um deles tem até uma conexão com o Brasil. Trata-se de Lautaro Greco, que toca bandoneón, instrumento de fole que é um dos símbolos do tango. Greco pode ser visto entre os músicos que tocam no DVD ao vivo “Verdade, Uma Ilusão”, da cantora Marisa Monte, lançado em 2014. O bandoneonista pode ser visto tocando seu instrumento durante a música “Lencinho Querido (El Panuelito)”.

Ingressos à venda
O primeiro lote de ingressos já está à venda pelo Disk Ingressos, com disponibilidade de camarotes e três setores na plateia, com preços diferenciados de acordo com a localização. Até o momento, esta é a única apresentação que o conjunto musical tem agendada no Brasil. O show tem produção da Planeta Brasil e 302 Produções, com apoio da Fundação Astor Piazzolla.

Histórico do Quinteto Astor Piazzolla
O Quinteto foi a formação musical que melhor expressou as idéias do maestro Piazzolla, acompanhando-o nos momentos mais destacados de sua vertiginosa carreira internacional. Sua primeira formação data dos anos 60 com um som provocativo e às vezes melódico, causando um furor entre o público jovem. Em 1978 começa um segundo período absolutamente diferente, com uma proposta musical mais elaborada e intelectual.

Após a morte de Astor Piazzolla em julho de 1992 e com a criação da Fundação Astor Piazzolla, uma nova etapa começou. Para continuar espalhando o legado do maestro, Laura Escalada Piazzolla decidiu formar um novo grupo com cinco virtuosos solistas, capazes de interpretar o vasto trabalho do compositor que revolucionou o tango.

Esta é a formação atual que se apresenta em Curitiba, e que tem viajado pelo mundo há mais de 20 anos, aclamado pela imprensa internacional como o único conjunto musical capaz de representar o estilo único e irrepetidável do grande Astor Piazzolla.

Serviço:
Quinteto Astor Piazzolla
Data: 10 de novembro (sexta-feira)
Horário: abertura às 19h. Previsão de início de show às 21h
Local: Ópera de Arame (Rua João Gava, 874 – Abranches – Curitiba, PR)
Ingressos: à venda pelo Disk Ingressos no telefone (41) 3315-0808, no site www.diskingressos.com.br/evento/6922 e nos pontos fixos nos shoppings Mueller, Estação e Palladium.
Classificação: 16 anos (menores somente acompanhado do responsável, é necessário levar documento de identidade)
Telefones para informações: (41) 3362-1302 / 99222-0316
Página do evento no facebook, aqui

OFICINA DE ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS

A Banguê quer levar a cultura hip hop para todos, com informação e discutindo questões sociais.

Essa oficina gratuita é sobre como fazer um evento acontecer, de qualquer tipo de tema ou tamanho. Com exemplos e conceitos básicos tem intenção de que os participantes tirem suas ideias do papel ou aprimorem projetos já existentes. Mais uma iniciativa voluntária #BanguêCrew para capacitar pessoas dentro da nossa cultura.

“A mudança começa em cada um de nós até se tornar coletiva”

// CONTEÚDO:
Identidade, equipe, locação e recursos, line-up, divulgação & ação.

// MINISTRANTE: Numa
Idealizadora da Banguê, designer, DJ e integrante do Conselho Municipal de Cultura.

// SERVIÇO:
Oficina de Organização de Eventos
Sábado / 11 de Novembro de 2017 / 16h às 20h
Entrada gratuita

// LOCAL:
Palácio Dos Estudantes
Rua Presidente Carlos Cavalcanti, 1157, São Francisco, Curitiba

Confira a página do evento, aqui

VIGOR MORTIS FAZ ÚLTIMAS APRESENTAÇÕES DE ACORDEI CEDO NO DIA EM QUE MORRI E OFERECE PALESTRAS GRATUITAS

Todas as fotos deste post são de Lucia Biscaia

 São duas oportunidades para ouvir o diretor Paulo Biscaia Filho falar sobre Cinema Trash e Ed Wood

As últimas sessões da nova montagem da Vigor Mortis ­— Acordei Cedo no Dia em Que Morri — acontecem nesta semana em Curitiba. A peça fica em cartaz até 22 de outubro, no Ave Lola, com ingressos no sistema pague-quanto-vale. E, para comemorar o final da temporada de sucesso com casa lotada e também os 20 anos da companhia, o diretor Paulo Biscaia Filho fará duas palestras gratuitas.

Na sexta, dia 20 de outubro às 14h, o tema é Cinema Trash: de onde vem o termo e quais os cineastas e filmes que melhor representam o tal “cinema lixo” que é tão cultuado por hordas de fãs do gênero. O papo será um convite para conhecer mais sobre este cinema alternativo e deliciosamente bizarro, que vai de filmes com monstros gigantes a produções estreladas por espiãs com microcâmeras embutidas nos seios.

E no sábado, dia 21 de outubro às 14h, é a chance para saber mais sobre o artista que inspirou a peça Acordei Cedo no Dia em que Morri: Edward D. Wood Jr., conhecido como o pior diretor de todos os tempos. Paulo Biscaia Filho vai conversar sobre como o artista conseguiu esse dúbio título, como os tormentos da vida do cineasta influenciaram sua obra e por que seus filmes podem ser considerados obras de “cinema de autor”.

Sobre Acordei Cedo no Dia em Que Morri:
O espetáculo é um passeio de trem-fantasma na mente de Ed Wood, com todos elementos icônicos da criatividade do cineasta: vampiros, alienígenas, monstros com superpoderes e também a atmosfera de filmes lado B dos anos 50. A ação acontece diante de uma tela gigantesca, onde são projetadas cenas captadas em tempo real no palco. O enredo coloca a personalidade da companhia em evidência, integrando outras linguagens ao teatro, com estética impactante, tecnologia, temas do universo do terror e comicidade. Acordei Cedo No Dia em Que Morri é uma realização da Vigor Mortis com incentivo de Celepar e do Programa de Apoio e Incentivo à Cultura – Fundação Cultural de Curitiba e Prefeitura Municipal de Curitiba. Direção de Paulo Biscaia Filho, com assistência de Gabriela Valcanaia. No elenco, Guenia Lemos, Camila Fávero, Ricardo Nolasco e Luiz Bertazzo. Cenário de Guenia Lemos, figurino de Guilherme Almeida, iluminação de Wagner Correa e Produção da Duplo Produções e Formiga Produtora.

Serviço Palestras:
Palestra sobre Cinema Trash com Paulo Biscaia Filho

Dia 20/10 (sexta-feira) – Horário: das 14h às 16h
Local: Ave Lola Espaço de Criação. R. Mal. Deodoro, 1227. Centro. Curitiba-PR
Palestra sobre Ed Wood com Paulo Biscaia Filho

Dia 21/10 (sábado) – Horário: das 14h às 16h
Local: Ave Lola Espaço de Criação. R. Mal. Deodoro, 1227. Centro. Curitiba-PR

Inscrições gratuitas: pelo email producaoduplo@gmail.com ou diretamente no local no início do evento. Sujeito à lotação. Serão emitidos certificados para os participantes.
Informações: por whatsapp 41 99975-6048

Serviço:
Espetáculo – Acordei Cedo no Dia em Que Morri
Local: Ave Lola Espaço de Criação. R. Mal. Deodoro, 1227. Centro. Curitiba-PR
Temporada: até 22 de outubro. (última semana em cartaz)
Dias e horários: quartas e domingos às 20h. Quintas, sextas e sábados às 23h59.
Ingressos: Pague Quanto Vale
Lotação: 58 lugares.
Duração: 60 minutos.
Classificação indicativa: 14 anos
Reservas e informações: www.avelola.net.br / Duplo Produções – 41 99975-6048

É HOJE!!!! SALDÃO LOJA DAS PULGAS

HOJE, quarta-feira, dia 11 de outubro, a Loja das Pulgas promove SALDÃO de preços baixos!!! 

Descontos de até 50% em roupas, sapatos, tênis, utensílios de cozinha, moda pet, livros, peças de decoração, entre outros.

Obs.: Os móveis usados, eletrodomésticos, discos de vinil e antiguidades também terão bons descontos!!!

Venha aproveitar!!! Amanhã, dia 11 de outubro, véspera do feriado do dia das crianças, a partir das 8h até às 18h!!!

Venha visitar a Loja das Pulgas, aqui você encontra de tudo: móveis usados, brechó de roupas, sapatos, livros, discos, acessórios e moda pet, brinquedos, antiguidades e muito mais. E os preços são ótimos!!!

A Loja das Pulgas recebe e vende todo tipo de doação em parceria com a Associação do Amigo Animal, que abriga 1000 cães resgatados de maus tratos.

Loja das Pulgas: Rua Pe Paulo Warkocz, 29, CIC / Orleans, Curitiba. Das 8h às 18h. Sáb. até às 13h.

Prestigie nossos patrocinadores! 

#lojadaspulgas

fonte

SESI SÃO JOSÉ DOS PINHAIS RECEBE ESPETÁCULO “AS AVES, DE ARISTÓFANES”

Fotografia: David D’Visant

Peça aborda com humor e irreverência temas como corrupção e ética. A entrada é franca

Uma das características dos clássicos se encontra na sua capacidade de se atualizar no tempo e no espaço. A peça As Aves, escrita em 414 a.C. pelo dramaturgo grego Aristófanes, demonstra esse poder. Ao fazer uma crítica contundente às estruturas políticas de Atenas e ao comportamento de seus cidadãos na Antiguidade, o texto acaba por abordar questões humanas capazes de gerar identificação no brasileiro dos dias de hoje. Para os que desejam conferir, o espetáculo da Thadeu Peronne Produções Artísticas se apresenta no Teatro Sesi São José dos Pinhais neste sábado (30) com entrada franca.

O assunto é sério, é verdade, mas na abordagem não faltam humor e irreverência. A montagem do diretor e produtor teatral Thadeu Peronne, além de valorizar o cômico trazido por Aristófanes, faz uma fusão da estética grega com elementos paranaenses, fazendo uma homenagem à cultura caiçara e ao fandango. “As comédias de Aristófanes possuem essa característica de serem ágeis e extremamente atuais. Esse texto, em especial, faz uma síntese das reflexões que considero necessárias para a nossa sociedade hoje. A comédia tem esse poder de alegrar e divertir, mas também fazer pensar”, ressalta Thadeu.

No enredo de As Aves, dois personagens, Evélpedes e Pistetero, cansados da corrupção de Atenas, partem em busca do rei Tereu, que foi transformado em pássaro. A intenção é que o monarca os indique um lugar melhor para se viver, um lugar livre de corrupção. Nessa trajetória, os dois acabam se aliando às aves do céu desencadeando uma série de situações inusitadas com um final para lá de surpreendente.

A encenação – que tem conquistado excelente receptividade do público curitibano desde a sua estreia, em 2016, e conta com diversos ícones do teatro paranaense em sua equipe técnica – traz musicalidade, brincadeiras e agilidade. O elenco é composto por Marwem HD, Zé Ronaldo e Ronnald Pinheiro. A tradução da obra é de Roberto Ferraz, que também assina a adaptação junto com Thadeu Peronne, diretor do espetáculo.

Serviço:
O SESI São José dos Pinhais apresenta
As Aves de Aristófanes
Data: 30/09
Horário: 20h
Classificação: 12 anos
Valor: Gratuita
Local: Teatro SESI de São José dos Pinhais
Endereço: Rua Quinze de Novembro, 1800 – Centro
Contato: (41) 3398-4100
Observação: Sujeito a lotação

Ficha técnica:
Direção: Thadeu Peronne
Tradução: Roberto Ferraz
Adaptação: Thadeu Peronne e Roberto Ferraz
Elenco: Marwem HD, Zé Ronaldo e Ronnald Pinheiro
Criação do Cenário: Aorelio Domingues
Criação de Figurinos e Máscaras: Mariana Zanette
Adereços: Mariana Zanette , Aorelio Domingues, Poro de Jesus e Gilvan Santo Amaro
Preparação corporal, tamanqueado e desenho de movimentos: Zé Ronaldo Ribeiro
Iluminação: Rodrigo Ziolkowski
Sonoplastia e Trilha Sonora: Ulisses Galetto
Arte e designer: Foca Cruz
Filmagem e Teasers: Alan Raffo
Produção: Thadeu Peronne Produções Artísticas

Mais informações, aqui
www.sesipr.com.br/cultura/
www.facebook.com/sesiculturapr/

SESI CULTURA
Foi em 2008 que a Regional Paraná do Serviço Social da Indústria inaugurou uma área especificamente dedicada ao desenvolvimento de ações culturais ancoradas nas diretrizes previstas na Declaração Universal dos Direitos do Homem, como a diversidade, a pluralidade e a autonomia. Desde então, o Sesi Cultura Paraná tem promovido o acesso à cultura com foco em programas de formação artística e cultural, investindo em processos criativos, formação de plateia para todas as linguagens e na formação e desenvolvimento cultural com vocação local. O Circuito Cultural Sesi, o Festival Sesi Música, os Núcleos Criativos do Sesi, o Zoom Cultural, os Programas Sesi Música, Sesi Arte, Sesi Audiovisual e Sesi Artes Cênicas são exemplos de programas desenvolvidos pela Gestão Cultural do Sesi. De 2008 até 2016, mais de 927 mil espectadores tiveram acesso à cultura por meio de cerca de 7,5 mil eventos realizados pelo Sesi Paraná. Todas essas ações sempre tiveram como objetivo o acesso ao bem cultural para o trabalhador da indústria, seus dependentes e para a comunidade de um forma geral, além da difusão da arte em todas as suas manifestações, valorizando a diversidade e a pluralidade do povo brasileiro.

CORRUPÇÃO E ÉTICA SÃO TEMAS DE ESPETÁCULO NO TEATRO SESI PORTÃO

As Aves, de Aristófanes, segue em cartaz este fim de semana com entrada franca

Uma das características dos clássicos se encontra na sua capacidade de se atualizar no tempo e no espaço. A peça As Aves, escrita em 414 a.C. pelo dramaturgo grego Aristófanes, demonstra esse poder. Ao fazer uma crítica contundente às estruturas políticas de Atenas e ao comportamento de seus cidadãos na Antiguidade, o texto acaba por abordar questões humanas capazes de gerar identificação no brasileiro dos dias de hoje. Para os que desejam conferir, o espetáculo da Thadeu Peronne Produções Artísticas faz temporada no Teatro Sesi Portão este fim de semana com entrada franca.

O assunto é sério, é verdade, mas na abordagem não faltam humor e irreverência. A montagem do diretor e produtor teatral Thadeu Peronne, além de valorizar o cômico trazido por Aristófanes, faz uma fusão da estética grega com elementos paranaenses, fazendo uma homenagem à cultura caiçara e ao fandango. “As comédias de Aristófanes possuem essa característica de serem ágeis e extremamente atuais. Esse texto, em especial, faz uma síntese das reflexões que considero necessárias para a nossa sociedade hoje. A comédia tem esse poder de alegrar e divertir, mas também fazer pensar”, ressalta Thadeu.

No enredo de As Aves, dois personagens, Evélpedes e Pistetero, cansados da corrupção de Atenas, partem em busca do rei Tereu, que foi transformado em pássaro. A intenção é que o monarca os indique um lugar melhor para se viver, um lugar livre de corrupção. Nessa trajetória, os dois acabam por se aliarem às Aves no Céu desencadeando uma série de situações inusitadas com um final para lá de surpreendente. A encenação – que tem conquistado excelente receptividade do público curitibano desde a sua estreia, em 2016, e conta com diversos ícones do teatro paranaense em sua equipe técnica – traz musicalidade, brincadeiras e agilidade.

No Teatro Sesi Portão, a montagem será apresentada neste sábado (23) e domingo (24), sempre às 19h, com entrada franca. Em seguida, o espetáculo segue para o Teatro do Sesi em São José dos Pinhais, com apresentação única no dia 30, às 20h.

Serviço:
Teatro SESI Portão apresenta
As Aves de Aristófanes
Data: 23 e 24/09 Horário: Sempre às 19h
Classificação: 12 anos
Valor: Gratuito
Local: Teatro SESI Portão
Endereço: Rua Padre Leonardo Nunes, 180 – Portão, Curitiba
Contato: (41) 3271-8469
Observação: Sujeito a lotação

Ficha técnica:
Direção: Thadeu Peronne
Tradução: Roberto Ferraz
Adaptação: Thadeu Peronne e Roberto Ferraz
Elenco: Marwem HD, Zé Ronaldo e Ronnald Pinheiro
Criação do Cenário: Aorelio Domingues
Criação de Figurinos e Máscaras: Mariana Zanette
Adereços: Mariana Zanette , Aorelio Domingues, Poro de Jesus e Gilvan Santo Amaro
Preparação corporal, tamanqueado e desenho de movimentos: Zé Ronaldo Ribeiro
Iluminação: Rodrigo Ziolkowski
Sonoplastia e Trilha Sonora: Ulisses Galetto
Arte e designer: Foca Cruz
Fotógrafo oficial: David D’Visant
Filmagem e Teasers: Alan Raffo
Produção: Thadeu Peronne Produções Artísticas

Mais informações: aqui
www.sesipr.com.br/cultura/
www.facebook.com/sesiculturapr/

SESI CULTURA
Foi em 2008 que a Regional Paraná do Serviço Social da Indústria inaugurou uma área especificamente dedicada ao desenvolvimento de ações culturais ancoradas nas diretrizes previstas na Declaração Universal dos Direitos do Homem, como a diversidade, a pluralidade e a autonomia. Desde então, o Sesi Cultura Paraná tem promovido o acesso à cultura com foco em programas de formação artística e cultural, investindo em processos criativos, formação de plateia para todas as linguagens e na formação e desenvolvimento cultural com vocação local. O Circuito Cultural Sesi, o Festival Sesi Música, os Núcleos Criativos do Sesi, o Zoom Cultural, os Programas Sesi Música, Sesi Arte, Sesi Audiovisual e Sesi Artes Cênicas são exemplos de programas desenvolvidos pela Gestão Cultural do Sesi. De 2008 até 2016, mais de 927 mil espectadores tiveram acesso à cultura por meio de cerca de 7,5 mil eventos realizados pelo Sesi Paraná. Todas essas ações sempre tiveram como objetivo o acesso ao bem cultural para o trabalhador da indústria, seus dependentes e para a comunidade de um forma geral, além da difusão da arte em todas as suas manifestações, valorizando a diversidade e a pluralidade do povo brasileiro.

CICLO DE OFICINAS DO GRUPO DE MPB DA UFPR

Dentro da pesquisa e processo para a realização do espetáculo “É Preciso Estar Atento e Forte – 50 Anos de Tropicália”, os integrantes do Grupo de MPB da UFPR encontraram temas e atividades que poderiam ser aprofundados e compartilhados com a comunidade acadêmica e em geral. Esta é a primeira ação do Grupo para temporada 2017, que realizará uma série de atividades que ocorrerão até novembro, em comemoração ao espetáculo e ao movimento tropicalista.

INSCRIÇÕES
As inscrições nas respectivas oficinas serão feitas somente pelo email do grupo: gmpb.ufpr@gmail.com

As vagas são limitadas, portanto pedimos a gentileza de que tenha certeza de sua participação no ato da inscrição!

PROGRAMAÇÃO

<< OFICINA 1 – COMPOSIÇÕES TROPICALISTAS >>

Esta oficina tem como objetivo traçar paralelos históricos, literários e musicais entre a Tropicália e movimentos contemporâneos a ela, bem como sua repercussão na atualidade. Serão feitas análises das letras e arranjos do movimento a partir de contextualizações poéticas, estilísticas, históricas e musicais.

Ministrante: Bárbara Neves (Licenciada em Letras pela Universidade Federal do Paraná, ex-aluna do Conservatório de MPB de canto e violão popular, leciona português e inglês e é integrante do Grupo de MPB da UFPR).

Datas: 22 e 29/09, 06 e 13/10 (sextas)
Horário: das 19h às 21h
Local: Sala do Grupo de MPB (Prédio Histórico da UFPR – Praça Santos Andrade)
Número de Vagas: 20 vagas
Material do aluno: Material para anotações; Água para consumo próprio.
Pré-requisitos: Idade mínima 15 anos

<< OFICINA 2 – RITMOS BRASILEIROS >>

A oficina visa aprimorar o reconhecimento do pulso interno através da percepção corporal e da prática instrumental, fazendo um estudo das células rítmicas básicas que estruturam algumas manifestações musicais do Brasil. Serão quatro encontros no mês de Outubro, onde será trabalhado os ciclos rítmicos do samba e baião e as práticas tradicionais do samba de coco e jongo.

Ministrante: Alisson Santos (Compositor, guitarrista e percussionista. Licenciado em música pela UFPR, tenor e arranjador do Grupo de MPB da UFPR. Desenvolve pesquisa em etnomusicologia na área da música de terreiro pelo GRUPETNO do campus DeArtes da UFPR).

Datas: 11, 18 e 25/10,01/11 (quartas)
Horário: das 19h às 21h
Local: Sala do Grupo de MPB (Prédio Histórico da UFPR – Praça Santos Andrade)
Número de Vagas: 10 vagas
Material do aluno: Roupas confortáveis; Água para consumo próprio.
Pré-requisitos: Idade mínima 15 anos

<< OFICINA 3 – INFINITO CRIATIVO – DESPERTANDO POSSIBILIDADES CRIATIVAS ATRAVÉS DA YOGA >>

Muitas vezes artistas, atores e outros profissionais têm dificuldade em encontrar novas soluções e “pensar fora da caixa”.
Através da prática de yoga essa vivência vai proporcionar situações que buscam despertar a consciência dos participantes para o potencial criativo de cada um.

Ministrante: Guilherme Araújo (Mestre em música pela UFPR, pós-graduado em programação neurolinguística pelo Isal, bacharel em comunicação social pela UFPR, estudou violão e viola caipira no conservatório de MPB de Curitiba. Professor de Kundalini Yoga com certificação do Kundalini Research Institute)

Datas: 20 e 27/10, 03 e 10/11 (sextas)
Horário: das 19h às 21h
Local: Sala do Grupo de MPB (Prédio Histórico da UFPR – Praça Santos Andrade)
Número de Vagas: 15 vagas
Material do aluno: Roupas confortáveis; Água para consumo próprio.
Pré-requisitos: Idade mínima 15 anos

<< OFICINA 4 – MUSICALIZAÇÃO DE POEMAS >>

Na oficina serão trabalhados textos da literatura brasileira com ênfase nas obras de autores paranaenses como Paulo Leminski, Alice Ruiz, Wilson Bueno, Marcos Prado, Batista de Pilar, entre outros de relevância no meio. As práticas de musicalização de poemas, tem como objetivo trabalhar a sensibilidade do cantor integrante para a poesia da palavra em récita através da interpretação oral cênica e cancioneira de trechos de obras literárias de autores brasileiros. É intenção também a variação dos estilos musicais nas composições, abrangendo gostos pessoais dos participantes bem como os propostos.

Ministrante: Caroline Casagrande (Atriz, contadora de histórias, compositora da Cia Girolê, cantora integrante da Orquestra Latino Americana da Unespar e professora de canto, é graduada em comunicação e letras e ministra oficinas de musicalização de poemas desde 2011).

Datas: 22, 24 e 29/11,01/12 (quartas e sextas)
Horário: das 19h às 21h
Local: Sala do Grupo de MPB (Prédio Histórico da UFPR – Praça Santos Andrade, centro de Curitiba)
Número de Vagas: 15 vagas
Material do aluno: Roupas confortáveis; Material para anotações; Água para consumo próprio.
Pré-requisitos: Idade mínima 15 anos

fonte

Página do evento, aqui

HOJE (DOMINGO) TEM VENDAS DE GARAGEM

HOJE, domingo dia 17/09, a Loja das Pulgas participa do Terceiro Vendas de Garagem (no Armazém Garagem Bar). Entrada gratuita!!!

Antiguidades, decoração, discos, videogames, bicicletas (Antiguiz Bicicletas), brechó de roupas e acessórios (Pandeluc Brechó) peças de carro e muito mais!!! Música ao vivo, comida deliciosas, chope gelado e muita gente bacana!!! Venha curtir neste domingo no Armazém Garagem!!!

“O Armazém Garagem convida a todos neste domingo a separar aquela peça ou antiguidade que está esquecida em algum canto, e trazer para tentar vender na nossa 3ª Venda de Garagem. Vem se divertir com a gente.”

Serviço:
Terceiro Vendas de Garagem
Local: O Armazém Garagem Bar fica na Br 277, número 2630 – Pista Lateral (sentido Ponta Grossa), no bairro mossunguê, em Curitiba – na entrada do conjunto Saturno, em frente a Copel.

Data: Domingo, (17/09), das 15:00 às 21:00
Entrada gratuita (pra comprar e pra vender!)
Confira a página do evento, aqui