1º PRÊMIO LIVRE.JOR DE JORNALISMO-MOSCA

JORNALISTAS E ESTUDANTES têm até 20 de outubro para inscrever suas reportagens no 1º Prêmio Livre.jor de Jornalismo-Mosca, prêmio oferecido pela agência Livre.jor. Não tem recompensa em dinheiro (ou alguém quer ser o mecenas? Manda inbox na fanpage do Livre.jor​), apenas o reconhecimento que o vencedor é um praticante do “jornalismo-mosca”.

O formulário online para a inscrição estará disponível a partir de 28 de setembro, Dia Internacional do Acesso Universal à Informação, e ficará aberta até 20 de outubro. Basta acessar: www.livre.jor.br/premiomosca

Os vencedores serão divulgados pelas redes sociais da agência Livre.jor no dia 25 de outubro – em alusão ao assassinato do jornalista Vladimir Herzog pela ditadura militar brasileira, nesta data, em 1975.

Sobre o Livre.Jor: 
“Jornalismo-mosca – Somos jornalistas que, desde fevereiro de 2014, buscam notícias em fontes oficiais de qualquer natureza. Ideologicamente somos jornalismo-mosca (http://bit.ly/jmosca). Na prática, uma agência de notícias curitibana fundada no direito do cidadão à informação, que abrange direito de informar, de ser informado e de ter acesso à informação. Divulgamos conteúdo de interesse público, obtido a partir de documentos, pesquisas, levantamentos, planilhas eletrônicas, diários oficiais, pedidos de informação, bases de dados etc. Se você procura por proselitismo partidário, intenções camufladas ou entrelinhas veio ao lugar errado. Livre.jor #4anos.”


Jornalismo de Dados (Data journalism)

é uma modalidade de produção digital de notícias que utiliza grandes bases de dados para elaborar peças de conteúdo focadas em correlações informacionais, além de se valer de recursos gráficos e interativos para tornar mais agradável a experiência de visualização do usuário consumidor de notícias.

PRÊMIO INSIGHT DE COMUNICAÇÃO CHEGA EM SUA 10ª EDIÇÃO

A premiação é voltada para estudantes de Comunicação, Design e Maketing. Nesse ano, o tema central escolhido é a criação do universo

“Um súbito de luz,uma grande criação”. Essa é a assinatura da 10ª edição do maior prêmio universitário do Sul do Brasil: o Prêmio Insight. O evento teve início no dia 12/08, com a abertura das inscrições – que acabam no dia 07/09 – e vai até o dia 19/10, com a noite de encerramento e premiação. 

O prêmio, criado em 2010, é apresentado anualmente pela agência Fábrica de Comunicação – Empresa Júnior de Comunicação da Universidade Federal do Paraná (UFPR) e tem a proposta de que os alunos inscritos, em grupos, encontrem a solução de um problema criado por uma marca real dentro de sua empresa. Dessa forma, os participantes colocam em prática os conteúdos que aprendem em sala enquanto obtêm mais informações e contato com profissionais formados que atuam na mesma área de conhecimento. Isso se dá a partir de palestras ofertadas e feedback do projeto. 

Esse ano o cliente é a Lola Cosmetics, uma marca carioca de produtos para o cabelo. Entender os desejos do consumidor e planejar uma comunicação assertiva se tornou fundamental para crescer um negócio. Foi assim que a Lola Cosmetics conquistou o público e hoje está presente em pontos de venda do Brasil todo. A marca é 100% vegana e aposta em uma comunicação visual criativa. Os produtos têm embalagens retrôs e nomes divertidos – como “morte súbita”, “meu cacho minha vida” e “rebelde com causa”.  Só em 2016, a empresa cresceu 200% em vendas, levando sua linha de produtos para mais de 5 mil pontos varejistas em todo o Brasil.

O lançamento do problema de comunicação com o briefing pela Lola e as palestras serão no dia 14 de setembro, no Estação Eventos. Elas auxiliam os participantes na construção dos seus projetos.

O Feedback Day, marcado para o dia 28 de setembro, ocorrerá no Brains Coworking e é o momento reservado para que as equipes apresentem o andamento de seus projetos para profissionais da área, a fim de que recebam conselhos individualmente e prossigam para a finalização de seu trabalho. 

As apresentações devem ser enviadas até o dia 10/10  por e-mail, com o resultado sendo divulgado no dia 19/10 na festa de encerramento e premiação. A festa acontecerá no Villa Batel Bar (em Curitiba) e menores de idade não entram. 

Para participar é necessário ser estudante de uma das áreas citadas e montar uma equipe com no mínimo três e no máximo cinco pessoas. As inscrições ocorrem entre os dias 12 de agosto até 07 de setembro por meio de um formulário presente nas redes sociais do evento. A taxa de inscrição é de 20 reais por participante.

Mais informações em:
https://pt-br.facebook.com/premioinsight/        

agenciafabricadecomunicacao@gmail.com

premioinsightdecomunicacao@gmail.com

COMPETIÇÃO INTERNACIONAL DE AGROCIÊNCIA RECONHECE PESQUISADORES COM IDEIAS INOVADORAS

Programa Alltech Young Scientist premia melhores trabalhos de estudantes de mestrado e doutorado. Inscrições podem ser feitas até dezembro de 2019.

Estudantes de mestrado e doutorado já podem inscrever seus trabalhos na maior competição mundial de agrociência a nível universitário. Desde sua criação em 2005, o programa Alltech Young Scientist (AYS) teve a participação de mais de 60.000 estudantes de mais de 70 países e concedeu US$ 1 milhão em prêmios. Os alunos podem submeter à inscrição pesquisas sobre temas como: estratégias e modelagem na alimentação animal; produção vegetal; métodos analíticos na agricultura; segurança e traçabilidade na cadeia alimentar; saúde e nutrição humana; entre outros assuntos relacionados à agricultura.

Como novidade para 2019, a competição será exclusivamente para pós-graduandos (mestrandos e doutorandos), e as indicações dos professores não serão necessárias como nos anos anteriores. Os participantes competirão primeiro em suas regiões de origem – América do Norte, América Latina, Ásia-Pacífico ou Europa/África. Os vencedores regionais serão convidados a participar da Alltech Young Scientist Discovery Week em Lexington, Kentucky, nos Estados Unidos, onde participarão do concurso mundial durante o ONE: Simpósio de Ideias Alltech, que será realizado de 19 a 21 de maio de 2019. O vencedor global receberá um prêmio de US$ 10,000.

O concurso é considerado uma das competições internacionais de agrociência de maior prestígio destinado a estudantes universitários, e já revelou diversos pesquisadores de universidades em todo o mundo. Em 2017, o “Impact Award”, projeto de maior impacto na cadeia produtiva do agrobusiness (produção de alimentos), foi concedido para o então doutorando Moises Poli, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Qualificado como o melhor da América Latina e classificado para a etapa mundial do prêmio, sua pesquisa envolveu a produção sustentável e integrada de camarões brancos e tilápias a partir da tecnologia de sistema superintensivo de bioflocos.

O pesquisador ficou sabendo da competição pela própria universidade, que costuma submeter trabalhos no AYS pela visibilidade que o concurso oferece. Durante o evento de premiação em 2017, ele destacou a importância do reconhecimento como uma grande vitrine para a sua carreira. “É muito bom estar neste evento que respira a indústria. É uma grande oportunidade para mim e também para a aquicultura, que pela primeira vez chega a um prêmio a nível mundial”, disse.

Conforme ressalta o vice-presidente e diretor cientista da Alltech, Dr. Karl Dawson, o Alltech Young Scientist oferece um palco global para a próxima geração de cientistas agrícolas apresentarem suas pesquisas, promoverem a educação e interagirem com algumas das melhores mentes científicas e do agronegócio do nosso tempo. “Estamos orgulhosos em oferecer esta experiência única, com a esperança de destacar e recompensar aqueles que se esforçam para impactar a indústria agrícola por meio da pesquisa científica e inovação”, destaca.

Inscrições
As inscrições para a próxima edição estão abertas e podem ser feitas até o dia 31 de dezembro de 2018. Os vencedores regionais serão anunciados em abril de 2019. Para mais informações e para se inscrever para o concurso Alltech Young Scientist, visite AlltechYoungScientist.com

Sobre a Alltech:
Fundada em 1980 pelo empresário e cientista irlandês Dr. Pearse Lyons, a Alltech descobre e entrega soluções para a nutrição sustentável de plantas, animais e pessoas. Com mais de 100 unidades de produção global, a Alltech é líder em produção e processamento de leveduras e minerais na forma orgânica.

Nosso princípio orientador ACE busca desenvolver soluções que são seguras para os animais, consumidores e também para o meio ambiente. São mais de seis mil colaboradores espalhados pelo mundo que têm o compromisso de para trabalhar todos os dias para nossos consumidores.

A Alltech é uma empresa familiar – o que permite se adaptar rapidamente às novas necessidades do consumidor e a permanecermos focados em inovação de ponta. Sediada em Lexington, Kentucky, nos Estados Unidos, a empresa tem uma presença forte em todas as regiões do mundo. Para mais informações, visite www.alltech.com/news . Nos contate também pelo Facebook.

IBEMA RECEBE SELO SESI ODS 2018 POR EDUCAÇÃO AMBIENTAL

Projeto de reciclagem em escolas está em sintonia com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU

O projeto “Sustentando o Amanhã”, que leva educação ambiental a escolas da região de Turvo (centro do PR), conquistou o selo Sesi ODS 2018. O selo foi conferido à Ibema Papelcartão pelo segundo ano consecutivo por contribuir com a agenda 2030 de Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU.

A honraria foi entregue na sede do Sistema Fiep dia 30 de outubro, em Curitiba, durante o Congresso Sesi ODS 2018. O evento incluiu rodadas de apresentação de projetos entre representantes de indústrias, ONGs e do serviço público, além da entrega do certificado, numa importante troca de experiências.

“O projeto surgiu a partir de uma ideia interna de confeccionar lixeiras para coleta seletiva em alguns setores da empresa”, conta Clarice Battistelli, responsável pela área de Responsabilidade Social da Ibema. As lixeiras são confeccionadas com resíduos de tubetes da bobina de papelcartão.

“Como a ideia deu certo, estendemos para as escolas mais próximas, agregando à confecção de lixeiras a educação ambiental dos alunos, explicando conceitos como coleta seletiva, reaproveitamento de resíduos e consumo consciente”, explica Clarice.

Depois de levar o projeto de reciclagem de lixeiras para a escola de ensino infantil e fundamental da região, neste ano ele chegou a uma escola da comunidade indígena Guarani.

O projeto “Sustentando o Amanhã” atende aos requisitos ODS 4 (Garantir educação inclusiva e oportunidade de aprendizado para todos), ODS 11 (Tornar as cidades e os assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis) e ODS 12 (Assegurar padrões de consumo e produção sustentáveis).

Sobre a Ibema: 
Gerar valor de maneira sustentável por meio da fabricação e distribuição de produtos que conquistem a preferência dos clientes, contribuindo com iniciativas que favoreçam toda a cadeia, com a dedicação e preocupação de garantir o melhor resultado para a empresa e seus clientes. Esta é a missão da Ibema, fabricante de papelcartão, que permeia a sua atuação com base no conceito de foco do cliente. A empresa, fundada em 1955, é hoje um dos players mais competitivos da América Latina. Sua estrutura é composta por sede administrativa localizada em Curitiba, centro de distribuição direta em Araucária com área útil de 12 mil m2 e fábricas instaladas nos municípios de Turvo, no Paraná, e em Embu das Artes, em São Paulo, que juntas possuem capacidade de produção anual de 140 mil toneladas. Em seu portfólio, estão os melhores produtos, reconhecidos pela qualidade e performance na indústria gráfica. A empresa, que atualmente conta com aproximadamente 880 colaborares, possui unidades certificadas pela ISO 9001, pela ISO 14001 e pelo FSC (Forest Stewardship Council).

Para mais informações sobre produtos e serviços, acesse o nosso site, disponível também nos idiomas espanhol e inglês: www.ibema.com.br

PRÊMIO SESI ODS: PROGRAMA QUE DÁ OPORTUNIDADE DE EMPREGO E BOLSA ACADÊMICA É FINALISTA

Premiação será entregue no dia 30 de outubro em Curitiba

O Programa Amanhã, que dá oportunidade de emprego e bolsa de formação acadêmica para jovens aprendizes é finalista do Prêmio Sesi ODS, cujo objetivo é reconhecer as melhores práticas de empresas paranaenses para o alcance dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). Com duração de 16 meses e participação de jovens de escolas da rede estadual de Curitiba com bom desempenho e frequência escolar comprovada, o programa Amanhã é idealizado pela Ouro Verde, especialista em gestão e terceirização de frotas.

Durante o programa, os jovens são acompanhados por tutores internos e recebem treinamentos técnicos e comportamentais para o seu desenvolvimento. Em sua primeira edição, em 2016, oito colégios indicaram 59 alunos, dos quais 9 foram selecionados para participação. Desses, 7 foram aprovados para a 2ª etapa do programa iniciado em janeiro de 2018, que contemplou a efetivação como assistente administrativo I e o subsídio de 50% da sua graduação. Paralelamente, o programa evoluiu para a 2º edição com a seleção e contratação de mais 10 jovens.

Além da oportunidade de trabalho, geração de renda, desenvolvimento pessoal, técnico e comportamental, o programa proporciona a interação social e estímulo a voluntariado, através da realização de projetos sociais nos colégios nos quais os jovens participantes do programa estudam.

Premiação
A revelação dos vencedores do Prêmio Sesi ODS acontece no dia 30 de outubro, durante o Congresso ODS, no Campus da Indústria do Sistema FIEP, no entanto, todos os finalistas já conquistaram o Selo Sesi ODS, que é um reconhecimento para as instituições que realizam projetos relacionados aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável.

Sobre a Ouro Verde
A Ouro Verde é especialista em gestão e terceirização de frotas de veículos, máquinas e equipamentos pesados. Oferece o serviço de gestão de frota de forma integrada, com controle de multas, de documentos e de combustível, além de manutenção e rastreamento de veículos. Com 45 anos de experiência no mercado, a empresa está entre as líderes do segmento na atualidade. Apoiada em sua excelente estrutura e práticas seguras, éticas e sustentáveis, atende clientes de pequeno, médio e grande portes em todas as regiões do Brasil. A Ouro Verde também atua na formação de profissionais de frota no país, destacando a responsabilidade das companhias na construção de um trânsito mais seguro.

SUPER BINGO DE ABRIL AMIGO ANIMAL

A Amigo Animal promove super bingo beneficente neste domingo, dia 22 de abril, às 15h no Clube Círculo Militar, ao lado do Passeio Público, em Curitiba-PR. Estacionamento gratuito.

Mais de 100 prêmios, incluindo TV 39″, super cesta de alimentos Festval, tablet, micro-ondas, fogão cooktop, fritadeira sem óleo, processador de alimentos, forno elétrico, panelas elétricas, jogo de panelas, aspirador de pó, pipoqueira e muito mais.

Entrada R$ 10,00 com direito a 3 cartelas para as 10 rodadas normais. Para as demais rodadas você poderá comprar cartelas avulsas ou o kit promocional a R$ 65,00 com 24 cartelas e 1 número para o sorteio extra, além de 1 número bônus para quem compra o kit.

Cartelas avulsas a R$ 5,00 cada ou na promoção 3 por R$ 10,00.

Serão 20 rodadas no total do bingo, previsão para término 19h.

Dentre as 20 rodadas, 3 serão destinadas às ONG´s parceiras Gatos Mil, Cãoxonados e Cantinho da Jane do Sítio Cercado, que também abrigam vários animais e precisam dos recursos para a manutenção de seu trabalho. As cartelas custam 3 por R$ 5,00 de cada ONG e já estão inclusas no kit de R$ 65,00..

Teremos cantina com deliciosos salgados vegetarianos e bolos suculentos.

Também teremos boutique/bazar vendendo produtos novos da ONG.

Pode levar doações de notas fiscais do Paraná sem CPF emitidas desde 01/03/18, doações de ração, roupas e sapatos e objetos usados para nosso bazar que funciona diariamente no Campo Comprido. Pode também comprar ração para doação diretamente no stand do Rei dos Animais, dentro do bingo.

Mais informações 41-99975-2711 por whats msg ou áudio.

Confira a página do evento, aqui.

3ª EDIÇÃO DO PRÊMIO ALLTECH DE JORNALISMO DIVULGA FINALISTAS

Concurso recebeu 295 inscrições; vencedores serão anunciados durante o One: Simpósio de Ideias Alltech, nos EUA

A terceira edição do Prêmio Alltech de Jornalismo anuncia os 15 finalistas selecionados pela equipe organizadora. Ao todo, 133 jornalistas, de 99 veículos, provenientes de 22 estados e do Distrito Federal, inscreveram 295 trabalhos, entre materiais audiovisuais para rádio e televisão e reportagens de jornais, portais e revistas. Foram selecionados cinco trabalhos em cada uma das categorias, sendo elas Criação e Nutrição Animal, Agricultura e Ideias Inovadoras para o Agronegócio.

Os critérios utilizados na avaliação das reportagens foram: adequação ao tema, relevância, utilização de fontes, densidade e exatidão do conteúdo e qualidade editorial e técnica. Entre os materiais inscritos, se destacaram temáticas como bem-estar animal, integração lavoura-pecuária e lavoura-floresta, conservação e manejo do solo, cooperativismo, startups e soluções inteligentes para o agronegócio.

“A premiação se reveste de uma significação especial ao estimular a produção de trabalhos jornalísticos que destaquem a importância do universo do agronegócio, permitindo que o grande público seja informado sobre as novas tendências desse mundo ainda tão pouco conhecido dos leitores”, afirma o presidente da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), Domingos Meirelles.

Os vencedores serão revelados ao público entre os dias 20 e 22 de maio, durante o One: Simpósio de Ideias Alltech, que ocorre na cidade de Lexington, no estado do Kentucky, nos Estados Unidos. O prêmio contempla a inscrição para o evento, passagem aérea e estadia de três noites em hotel cinco estrelas. A premiação é promovida em parceria pelas empresas Alltech e Alltech Crop Science, líderes em saúde e nutrição animal e vegetal, e recebe apoio institucional da ABI.

Confira os finalistas:

Categoria “Agricultura”:
– “Ouro rosa: as faces econômica, social e cultural da goiaba” – Ed Wanderley, Diário de Pernambuco;
– “Cultivo de melão no Piauí” – Izabel Helena Telles de Melo, TV Clube PI;
– “Como bancos de sementes podem proteger a biodiversidade” – Rogério Jefferson Coutinho Souza, TV Globo RJ
– “Fertilidade forjada pelo manejo” – Leandro Mariani Mittmann, A Granja
– “ESPECIAL-Tocantins, uma nova história da abertura da fronteira agrícola do Brasil” – Roberto Pereira da Silva Samora, Reuters

Categoria “Criação e Nutrição Animal”
– “Uma nova economia surge no campo” –  André Luiz Silva Clemente Torres, Diário de Pernambuco
– “Um oásis no Oeste Potiguar” – Jéssica Caroline do Nascimento, Revista Feed&Food
– “Onde o amanhã já chegou” – Joana Colussi, Zero Hora
– “Produtores de leite se profissionalizam e investem em novas tecnologias em Minas Gerais” – Erika Alves Ferreira Machado, TV Integração Uberaba
– “Tecnologia e Gestão: aliados da produtividade na suinocultura no nordeste” – Georgina Maynart Rabelo Montes, TV Bahia

Categoria “Ideias Inovadoras”
“Série A Força do Campo dia 1” – Antonio Temóteo de Queiroz Elias, Correio Braziliense
– “Startup em campo” – Cassiano Ribeiro, Revista Globo Rural
– “São Benedito tem forte produção de pimentão mesmo em período de seca” – Mateus Ferreira de Sousa, TV Verdes Mares
– “O agronegócio “incubado” – Victor Lopes de Moraes, Folha de Londrina
– “Nanotecnologia avança no agronegócio brasileiro” – Cristiane Barbieri, O Estado de S. Paulo

ABERTAS AS INSCRIÇÕES PARA O 5º PRÊMIO SISTEMA FIEP DE JORNALISMO

O Sistema Federação das Indústrias do Paraná (Fiep) lançou, no Dia do Jornalista, o 5º Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo.  A iniciativa conta com a parceria institucional do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná (Sindijor-PR) e visa reconhecer o trabalho da imprensa e sua contribuição para o desenvolvimento do setor industrial. Serão premiados os melhores trabalhos sobre a indústria do Paraná em cinco categorias – jornalismo impresso, internet, fotojornalismo, reportagem de rádio e reportagem de TV.

“O acesso à informação de qualidade, produzida por uma imprensa livre e independente, é um pré-requisito para o desenvolvimento de qualquer sociedade. Celebramos o dia de quem está na linha de frente desse processo: o jornalista. O Sistema Fiep reconhece a importância desses profissionais e, por isso, lança a 5ª edição de seu prêmio”, afirma o presidente do Sistema Fiep, Edson Campagnolo.

As inscrições já estão abertas e poderão ser feitas até dia 18 de setembro. O tema é A Indústria do Paraná e os trabalhos podem tratar de vários aspectos que envolvem o universo industrial, como políticas públicas, mercado, inovação, qualificação profissional, saúde e segurança do trabalhador da indústria, compliance, responsabilidade social corporativa, entre outros. Podem ser inscritos trabalhos publicados ou veiculados na imprensa de todo o Brasil entre 19 de outubro de 2017 e 17 de setembro de 2018.

O primeiro colocado de cada categoria receberá R$ 6,6 mil; o segundo colocado, R$ 3,3 mil e o prêmio para o terceiro colocado será de R$ 2,2 mil. No total, serão distribuídos R$ 60,5 mil em prêmios. Além do valor em dinheiro, os vencedores receberão troféus e certificados. O trabalho que obtiver a maior pontuação entre todos os inscritos será ainda reconhecido com o troféu Heitor Stockler de França. O nome é uma homenagem ao primeiro presidente da Fiep, que também atuou como jornalista.

Desde a primeira edição, o Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo já contabiliza 370 trabalhos jornalísticos inscritos e 60 premiados.

Nesta quinta edição, os trabalhos finalistas serão conhecidos em novembro, quando haverá a solenidade de premiação. A comissão julgadora será formada por três jornalistas, um acadêmico e um industrial.

As inscrições são totalmente online e devem ser feitas pelo site www.premiofiepdejornalismo.com.br onde está disponível o regulamento e os trabalhos premiados nas edições anteriores.

PRÊMIO LEVA JORNALISTAS À SIMPÓSIO INTERNACIONAL SOBRE INOVAÇÃO NO AGRONEGÓCIO

Profissionais serão premiados com uma viagem para participar do One: Simpósio de Ideias Alltech. Inscrições vão até o dia 26 de março

Os três jornalistas vencedores da terceira edição do Prêmio Alltech de Jornalismo irão acompanhar um dos maiores eventos do agronegócio das Américas, o One: Simpósio de Ideias Alltech, que será realizado entre os dias 20 e 22 de maio na cidade de Lexington, no estado do Kentucky nos Estados Unidos. As inscrições para participar do prêmio vão até o dia 26 de março.

Cada jornalista pode inscrever até cinco trabalhos publicados entre 20 de março de 2017 e 26 de março de 2018, que estejam enquadrados nas seguintes categorias: Criação e Nutrição Animal, Agricultura e Ideias Inovadoras para o Agronegócio. Os ganhadores receberão passagens aéreas, hospedagem e inscrição para os três dias do simpósio. A premiação é promovida em parceria pelas empresas Alltech e Alltech Crop Science, líderes em saúde e nutrição animal e vegetal respectivamente e tem apoio institucional da Associação Brasileira de Imprensa (ABI).

O evento
Durante o One: Simpósio de Ideias Alltech, os vencedores poderão participar de importantes palestras com nomes como o de Jack Welch, ex-CEO da General Eletric, Robert Wolcott, professor de inovação e empreendedorismo da Kellogg School of Management, na Universidade Northwestern, além do Dr. Rodolphe Barrangou, coordenador da pesquisa sobre probióticos do Departamento de Alimentação, Bioprocessamento e Ciências da Nutrição da Universidade da Carolina do Norte. O evento também terá uma programação cultural e visitas técnicas locais, que incluem jantares internacionais com apresentações artísticas, visitas às plantas da Alltech, ao escritório matriz da empresa e ao Kentucky Horse Park, além de um tour na cervejaria e destilaria da Alltech, e um festival de cervejas e comidas artesanais, todos na região de Lexington.

A programação do simpósio permitirá aos participantes o contato com ideias inovadoras e novos conceitos do agronegócio. “A troca de experiências e visões entre pessoas de todo o mundo permite uma melhoria nas práticas feitas, impactando positivamente no agronegócio como um todo”, explica Leticia Marodin, gerente de marketing da Alltech.

Inscrições
O formulário de inscrição e o regulamento completo estão disponíveis neste site / Os finalistas em cada categoria serão divulgados no dia 06 de abril e os vencedores serão anunciados ao público entre os dias 20 e 22 de maio, durante o Simpósio Internacional da Alltech.

SERVIÇO
Prêmio Alltech de Jornalismo 2018
Informações e inscrições: até 26 de março de 2018 no site https://go.alltech.com/premio2018

Informações para a imprensa
Centro de Comunicação
Jorge de Sousa | Laura Espada | Bruna Robassa
premioalltech@centrodecomunicacao.com.br
Tel.: (41) 3018.8062 | 9 9972.1904

3º PRÊMIO RIO DE LITERATURA PRORROGA INSCRIÇÕES ATÉ 12 DE JANEIRO/2018

“O 3º Prêmio Rio de Literatura prorroga o prazo para inscrições até o dia 12/01/2018.

Com a intenção de reconhecer a qualidade da produção literária nacional, o Prêmio Rio de Literatura seleciona as melhores obras publicadas nas categorias Poesia, Prosa de Ficção e Ensaio.

Para concorrer nesta modalidade de escritores experientes, existem três categorias: Poesia, Prosa de Ficção e Ensaio. Em ambos os casos a primeira edição das obras inscritas deverá ter sido publicada no período compreendido entre 1º de outubro de 2016 e 1º de outubro de 2017.

Os autores dos livros selecionados serão premiados, cada um, com R$ 100 mil.

Na Categoria Novo Autor Fluminense. A segunda modalidade, exclusiva para descobrir os novos talentos do estado do Rio de Janeiro, vai abranger novos nomes da literatura que tenham nascido ou residam no estado do Rio de Janeiro.

A iniciativa, além de oferecer R$ 10 mil ao vencedor, também viabiliza a edição e publicação de mil exemplares de sua obra, que serão doados ao autor e distribuídos para bibliotecas públicas e comunitárias do estado. 

Confira o edital aqui

Inscrições através do site da Fundação Cesgranrio

fonte