A • AIREZ • GALERIA DE ARTISTAS INDEPENDENTES CONVIDA “MANIFESTO DIGITAL”


Performance de enfoque kitsch acerca da presente crise brasileira, ações políticas programadas para manifestar repúdio de forma ridícula. Ferramenta artística para os tempos atuais, que visa exprimir desgostos frente a falsa democracia brasileira.

SERVIÇO:
A • AIREZ • Galeria de Artistas Independentes convida “Manifesto Digital” 
Local:  AIREZ, Rua 13 de maio, 778, cj 15 . São Francisco – Curitiba.
Data: 5 de julho às 19:30
Confira a página do evento, aqui

Ficha Técnica
Criação/Conceito/Performance: 
Cintia Ribas e Mariana Barros
DJ: Hugo Miyamura

Duração variada: 30 min. – 1h
*Evento Gratuito

BIENAL DE ARTE DIGITAL REABRE A VISITAÇÃO PARA O PÚBLICO COM ENTRADA GRATUITA

Adam Pizurny

Com 10 artistas nacionais e internacionais a The Wrong fica em cartaz até o final do mês na Galeria Airez

A partir desta quinta-feira (04) a Airez – Galeria de Artistas Independentes retoma suas atividades e apresenta a The Wrong – New Digital Art Biennale considerada uma das maiores e mais diversificadas bienais de arte e cultura digital. Em cartaz desde dezembro de 2017, até o dia 31 de janeiro, entre às 10h e 18h, de segunda à sábado, o público pode interagir com as obras de 10 artistas nacionais e internacionais, com entrada gratuita.

Além da exposição física, o público curitibano tem a oportunidade de apreciar alguns vídeos apresentados nas TVs dos ônibus da cidade. Ao todo são 450 ônibus que apresentam os artistas que estão em cartaz nesta edição. Outra oportunidade de interação é o site oficial da The Wrong. Onde o usuário, a partir da plataforma tem acesso às obras dos artistas em cartaz na Galeria. E ainda, neste mês, paralelamente a exposição, vai ocorrer workshops e palestras gratuitas sobre diversas temáticas que abrangem a cultura e arte digital e será divulgada nas próximas semanas.

Fundada pelo empreendedor cultural, escritor e artista maker espanhol, David Quiles Guilló, desde 2013, a The Wrong tem o objetivo de criar, promover e fomentar o pensamento inovador artístico. Para Flávio Carvalho, curador da exposição na cidade e que já participou de exposições renomadas do segmento tecnológico como a MADATAC em Madrid, Subtle Technologies Festival, em Toronto, BIDEODROMO, na Espanha, entre outros, o evento evoca a transformação na cidade em vários aspectos.

Nesta edição, a The Wrong – New Digital Art Biennale apresenta as obras dos artistas, Leandro Catapam, Sayuri Kashimura, Guilherme Zawa, Hebert Baioco, Livenoistupi, Dina Karadžić, Adam Pizurny, Mattis Dovier, Looping Lovers e Connor Sherlock.

SERVIÇO:
The Wrong – New Digital Art Biennale
Quando: Em cartaz até o dia 31 de janeiro
Onde: Galeria AIREZ
Endereço: Rua Treze de Maio, 778 ap. 15, centro, Curitiba
Informações: 41- 3088-7561
www.subli-me.org/
ENTRADA GRATUITA
Para visitas em grupo, entre em contato com a Galeria Airez pelo telefone: (41) 3088-7561.

BANGUÊ #12 // ANIVERSÁRIO DE 2 ANOS

BANGUÊ ##
RITMO, POESIA & CONSCIÊNCIA

A Banguê vai completar oficialmente 2 ANOS! Essa edição especial é pra comemorar junto com nossos parceiros essa caminhada. Com informação e diversão, reunindo os cinco elementos MC, DJ, Dança, Graffiti e Conhecimento.

“A mudança começa em cada um de nós até se tornar coletiva”

R$5 até 16h30 lista mural
R$15 normal // R$10 lista mural
Evento para maiores de 18 anos

>> NO LOCAL
Mostra de Dança
Graffiti (Live Painting)
Exposições de arte
Bazar e rango

>> OPEN MIC
Open Beat // TRAGA SUA TRACK
Acapella & Poesia // TRAGA SUA LETRA

>> POCKETS
Bface
Castanha
Poesia163

>> DJs
BAB5, Bface & Numa convidam Uhuru Selector

>> MESTRES DE CERIMÔNIA
Numa & Vinici

>> ARRECADAÇÃO SOLIDÁRIA
Vamos arrecadar artigos para bebês. EM MEMÓRIA DA NOSSA PARCEIRA LUANA MEDEIROS!

>> SORTEIOS
Quem contribuir com doações concorre a uma tatuagem.

LOCAL:
Basement Cultural
Benvindo Valente, 260 – São Francisco, Curitiba
(Próximo à pista do Gaúcho)
DATA: Domingo, 21 de janeiro, das 16:00 às 23:00.

REALIZAÇÃO: Banguê
APOIO: AHHEMP, Um Baile Bom e FATO Agenda

FOTOS DOS FLYERS: @rapnorec (instagr.am/rapnorec)

Confira a página do evento, aqui

BANGUÊ#11 ::: É AMANHÃ, DOMINGÃO!!!

Banguê #11 // última do ano ::: É AMANHÃ, domingão!

Entrada gratuita. Em Curitiba.

“Bora fechar o ano daquele jeito, com muito hip hop e junto das pessoas que vivem essa cultura zica.

// CRONOGRAMA
14h00 | DJ BAB5
14h30 | DJ França
15h00 | DJ Carmen Agulham, Mostra de Dança
16h00 | Batalha Primeira Fase
17h00 | LarDoceLar, Siamese, Mynah, Open Mic Poesia&Acapella
18h00 | Batalha Segunda Fase
18h40 | AzPampa, InterSessão
19h40 | Batalha Semi Final + Final

// AVISOS
> MCs interessados em batalhar cheguem cedo, são apenas 16 vagas com inscrição de um livro literário.
> Vamos arrecadar doações para crianças e bebês para a ação #NatalNaOcupa, colabore e concorra a uma tatuagem.
> Rango e trabalhos independentes a venda no local.
> É proibido o consumo de bebidas alcoólicas no interior do Casarão. Mas na frente é liberado, vamos respeitar o prédio público e curtir numa boa
> Qualquer dúvida só chamar!

// LEMBRE-SE
“A mudança começa em cada um de nós até se tornar coletiva”

#HipHopDontStop #Bangue11 #Banguê

Local: Palácio Dos Estudantes. Presidente Carlos Cavalcanti, 1157, São Francisco, Curitiba
Data: 17 de dezembro, domingo, das 14:00 às 21:00

Página do evento, aqui

BANGUÊ #11 ::: DOMINGO DIA 17/12

## BANGUÊ ##
RITMO, POESIA & CONSCIÊNCIA

A Banguê quer levar a cultura hip hop para todos, com informação e discutindo questões sociais. Reunindo os cinco elementos MC, DJ, Dança, Graffiti e Conhecimento em um evento aberto a todos.

“A mudança começa em cada um de nós até se tornar coletiva”

EVENTO GRATUITO
Traga a família!

>> NO LOCAL
Mostra de Dança
Pockets Shows (Aguardem programação)
Graffiti (Live Painting)
Batalha de MCs
Bazar e rango
Exposições de arte

>> POCKETS
LarDoceLar
Siamese
AzPampa
InterSessão

>> DJs
Bab5 & Carmen Agulham

>> MESTRES DE CERIMÔNIA
Numa & Vinici

>> ARRECADAÇÃO SOLIDÁRIA
Vamos arrecadar artigos para bebês e alimentos não perecíveis. EM MEMÓRIA DA NOSSA PARCEIRA LUANA MEDEIROS!

>> SORTEIOS
Quem contribuir com doações concorre a uma tatuagem de R$150, de Yago Tav

LOCAL:
Palácio Dos Estudantes // Casarão da UPE
Presidente Carlos Cavalcanti, 1157, São Francisco, Curitiba
Data: Domingo, 17 de dezembro, das 14:00 às 21:00.
Entrada gratuita!

REALIZAÇÃO: AHHEMP e Banguê
APOIO: Um Baile Bom e FATO Agenda

FOTOS DOS FLYERS: Jessica Tayana

Confira a página do evento, aqui

FESTIVAL ESTOPIM ACONTECE ESTA SEMANA, COM LINE-UP PLURAL E DEBATES SOBRE O MERCADO MUSICAL INDEPENDENTE

Carne Doce / Crédito: Mídia Ninja

Realizado de 15 a 17 de dezembro, evento surge como um espaço para agregar vivências diversas e fomentar novas conexões

Curitiba recebe a primeira edição do Festival Estopim esta semana, entre os dias 15 e 17, com a proposta de impulsionar novas movimentações no cenário artístico. Idealizado pela Arnica Cultural, o evento reúne atrações independentes e painéis sobre o mercado musical. Um dos destaques do line-up é a banda Francisco, el hombre, que foi indicada ao Grammy Latino este ano e encerra a turnê “Eita, Fudeu!” na capital paranaense.

O Estopim também terá a banda goiana Carne Doce e o quinteto pernambucano Tagore, ambos com discos aclamados pela crítica especializada e passagem por grandes festivais brasileiros. Mulamba, Tuyo e Trombone de Frutas são outros três nomes de peso que integram os shows, compondo uma programação plural e relevante para a música nacional.

“A intenção é agregar vivências diversas e proporcionar conexões intensas. Queremos que o festival seja um combustível para pensar e articular nosso lugar nesse mercado e fomentar ainda mais a cena curitibana. A ideia é que o Estopim, além de crescer em si, dê força para desdobrar outros empreendimentos”, defende a produtora Leticia Martins.

Conteúdo relevante
Para contribuir com esse propósito, os painéis discutirão três eixos: gestão de carreira e autoprodução; festivais que movimentam o Sul; e iniciativas que reinventam as cenas independentes. “O mercado se transformou, temos novas formas de produzir música. A troca de informações aprimora o trabalho artístico e incentiva essa onda maravilhosa que estamos vivendo em Curitiba”, afirma o diretor de comunicação João Taborda.

Entre os convidados, estão representantes de vários projetos significativos na música brasileira. Alguns exemplos são as iniciativas Tenho Mais Discos Que Amigos, PWR Records, Onça Discos e Água Viva Concentrado Artístico; além das bandas Cora, Machete Bomb e Carne Doce; e dos festivais Psicodália, Musicletada, Enxame e Ruído CWB.

A bagagem da Arnica
Com um espírito de autogestão, a Arnica Cultural foi inaugurada em 2016 pela banda Trombone de Frutas. Além de ter recebido artistas como Di Mello e O Terno na casa localizada no Bigorrilho, o coletivo produziu o festival Biro Biro Day Show, na rua São Francisco; e o palco Arnica, durante o Festival Coolritiba, na Pedreira Paulo Leminski.

“Nosso objetivo sempre foi profissionalizar o cenário independente, com pró-atividade e coragem para desconstruir. O Estopim, com shows e ações formativas, é um passo importante para catalisar a cultura. Também estamos trilhando novos rumos, assumindo o caráter de selo musical e estúdio”, conta Rodrigo Chavez, um dos gestores da Arnica.

PROGRAMAÇÃO COMPLETA

_ 15/12, SEXTA-FEIRA: PAINÉIS
LOCAL: Arnica Cultural (rua Otelo Queirolo, 237 – Bigorrilho, Curitiba)
INGRESSO: gratuito, pela plataforma Sympla

_ 18h: FAZENDO O ROLÊ | Bate-papo sobre gestão de carreira e autoprodução
Convidados: Heitor Humberto, Salma Jô e Macloys Aquino (Carne Doce), Kaila Pelisser e Katherine Zander (Cora), Vitor Salmazo (Machete Bomb)

_ 19h30: AMPLIFICA AÍ | Um panorama dos festivais que movimentam o Sul
Convidados: Bina Zanette, Michelle Hesketh (Musicletada e Ruído CWB), Alexandre Osiecki (Psicodália), Jonas Bender Bustince (Festival Enxame)

_ 20h: BURACOS NO TETO | Iniciativas que reinventam as cenas independentes
Convidados: Tony Aiex (Tenho Mais Discos Que Amigos), Rodrigo Chavez (Arnica Cultural), Matheus Mantovani (Onça Discos), Hannah Carvalho e Leticia Tomás (PWR Records), Luciano Faccini (Água Viva Concentrado Artístico)

_ 16/12, SÁBADO: SHOWS
LOCAL: Hermes Bar ( rua Engenheiro Rebouças, 1645 – Rebouças, Curitiba)
INGRESSO: R$ 35 por dia de show ou R$ 60 o passaporte, pela plataforma Sympla

_ 20h30: Loop Room
_ 22h: Mulamba

_ 23h30: Carne Doce
_ 1h: Trombone de Frutas
_ DJ Baqueta

_ 17/12, DOMINGO: SHOWS
LOCAL: Hermes Bar ( rua Engenheiro Rebouças, 1645 – Rebouças)

INGRESSO: R$ 35 por dia de show ou R$ 60 o passaporte, pela plataforma Sympla

_ 19h: Tuyo
_ 20h30: Tagore
_ 22h: Francisco, el hombre
_ DJ Bila Sampaio

Para saber mais:
Facebook | Instagram | Evento | Ingressos

FESTIVAL ESTOPIM DIVULGA PROGRAMAÇÃO COM LINE-UP PLURAL E DEBATES SOBRE O MERCADO MUSICAL INDEPENDENTE

Realizado de 15 a 17 de dezembro, evento surge como um espaço para agregar vivências diversas e fomentar novas conexões

Curitiba recebe a primeira edição do Festival Estopim entre os dias 15 e 17 deste mês, com a proposta de impulsionar novas movimentações no cenário artístico. Idealizado pela Arnica Cultural, o evento reúne atrações independentes e painéis sobre o mercado musical. Um dos destaques do line-up é a banda Francisco, el hombre, que foi indicada ao Grammy Latino este ano e encerra a turnê “Eita, Fudeu!” na capital paranaense.

O Estopim também terá a banda goiana Carne Doce e o quinteto pernambucano Tagore, ambos com discos aclamados pela crítica especializada e passagem por grandes festivais brasileiros. Mulamba, Tuyo e Trombone de Frutas são outros três nomes de peso que integram os shows, compondo uma programação plural e relevante para a música nacional.

“A intenção é agregar vivências diversas e proporcionar conexões intensas. Queremos que o festival seja um combustível para pensar e articular nosso lugar nesse mercado e fomentar ainda mais a cena curitibana. A ideia é que o Estopim, além de crescer em si, dê força para desdobrar outros empreendimentos”, defende a produtora Leticia Martins.

Conteúdo relevante
Para contribuir com esse propósito, os painéis discutirão três eixos: gestão de carreira e autoprodução; festivais que movimentam o Sul; e iniciativas que reinventam as cenas independentes. “O mercado se transformou, temos novas formas de produzir música. A troca de informações aprimora o trabalho artístico e incentiva essa onda maravilhosa que estamos vivendo em Curitiba”, afirma o diretor de comunicação João Taborda.

Entre os convidados, estão representantes de vários projetos significativos na música brasileira. Alguns exemplos são as iniciativas Tenho Mais Discos Que Amigos, PWR Records, Onça Discos e Água Viva Concentrado Artístico; além das bandas Cora, Machete Bomb e Carne Doce; e dos festivais Psicodália, Musicletada, Enxame e Ruído CWB.

A bagagem da Arnica
Com um espírito de autogestão, a Arnica Cultural foi inaugurada em 2016 pela banda Trombone de Frutas. Além de ter recebido artistas como Di Mello e O Terno na casa localizada no Bigorrilho, o coletivo produziu o festival Biro Biro Day Show, na rua São Francisco; e o palco Arnica, durante o Festival Coolritiba, na Pedreira Paulo Leminski.

“Nosso objetivo sempre foi profissionalizar o cenário independente, com pró-atividade e coragem para desconstruir. O Estopim, com shows e ações formativas, é um passo importante para catalisar a cultura. Também estamos trilhando novos rumos, assumindo o caráter de selo musical e estúdio”, conta Rodrigo Chavez, um dos gestores da Arnica.

PROGRAMAÇÃO COMPLETA

_ 15/12, SEXTA-FEIRA: PAINÉIS
LOCAL: Arnica Cultural (rua Otelo Queirolo, 237 – Bigorrilho, Curitiba)
INGRESSO: gratuito, pela plataforma Sympla

_ 18h: FAZENDO O ROLÊ | Bate-papo sobre gestão de carreira e autoprodução
Convidados: Heitor Humberto, Salma Jô e Macloys Aquino (Carne Doce), Kaila Pelisser e Katherine Zander (Cora), Vitor Salmazo (Machete Bomb)

_ 19h30: AMPLIFICA AÍ | Um panorama dos festivais que movimentam o Sul
Convidados: Bina Zanette, Michelle Hesketh (Musicletada e Ruído CWB), Alexandre Osiecki (Psicodália), Jonas Bender Bustince (Festival Enxame)

_ 20h: BURACOS NO TETO | Iniciativas que reinventam as cenas independentes
Convidados: Tony Aiex (Tenho Mais Discos Que Amigos), Rodrigo Chavez (Arnica Cultural), Matheus Mantovani (Onça Discos), Hannah Carvalho e Leticia Tomás (PWR Records), Luciano Faccini (Água Viva Concentrado Artístico)

_ 16/12, SÁBADO: SHOWS
LOCAL: Hermes Bar ( rua Engenheiro Rebouças, 1645 – Rebouças, Curitiba)
INGRESSO: R$ 35 por dia de show ou R$ 60 o passaporte, pela plataforma Sympla

_ 20h30: Loop Room
_ 22h: Mulamba

_ 23h30: Carne Doce
_ 1h: Trombone de Frutas
_ DJ Baqueta

_ 17/12, DOMINGO: SHOWS
LOCAL: Hermes Bar ( rua Engenheiro Rebouças, 1645 – Rebouças)
INGRESSO: R$ 35 por dia de show ou R$ 60 o passaporte, pela plataforma Sympla

_ 19h: Tuyo
_ 20h30: Tagore
_ 22h: Francisco, el hombre
_ DJ Bila Sampaio

Para saber mais:
Facebook | Instagram | Evento | Ingressos

HOJE ::: CUTELO ASSASSINO – UMA TRAGÉDIA GREGA DE ATROCIDADES NO AP DA 13

CUTELO ASSASSINO – Uma Tragédia Grega de Atrocidades

ÚNICA APRESENTAÇÃO

Amygdalota, espartana, esposa do grego Tartarian, quer reconhecimento pelos anos casada. Ela prepara o jantar: um frango é manipulado, cutelado e cozinhado em cena.

Após mais uma tentativa de dominação através da cultura, do sexo e do território de um homem sobre uma mulher, ela vira o jogo.

A linguagem é híbrida, teatro e cinema dialogam. A cena real e a cena cinematográfica, projetada, estão simultaneamente presentes para o público.

Este é voyeur do cotidiano do casal, que discutem a relação. A encenação teatral se utiliza da linguagem cinematográfica na ocupação de uma casa com a multiplicação da cena através do vídeo e do áudio, possibilitando ao público acompanhar a cena presencialmente ou assistir como em um cinema.

A dramaturgia de Leonarda Glück ironiza a tradição grega como pano de fundo para uma tragicomédia mordaz e ácida.
Ambientes se fundem ao acompanhar a última hora desse casamento.

Onde estará a Luz nas Trevas?

Edição AP. DA 13

Criadores desta Edição:
Texto – Leonarda Glück
Encenação e Atuação – Patricia Saravy e Ricardo Nolasco
Som – Jo Mistinguett
Olhos de Câmeras – Guilherme Chalegre, Renata Correa, Lais Melo
Arte do espaço – Patricia Cipriano.
Produção – Victor Hugo
Apoio e Parceria – Selvática Ações Artísticas e Casa Selvática.

Serviço:
Gênero – Tragicomédia
Classificação: 18 anos
Local – Ap. da 13 – Rua Treze de Maio, 1001, apto 01, centro de Curitiba.
Data – 05/12/2017 – terça-feira
Entrada – R$20 / R$10

Agradecimentos aos parceiros – a todxs artistas selváticxs, Leonarda Glück, Fabia Regina, Fábio Kinas, Maikon K, Karina Flor, Jeff Grochovs, Amabilis de Jesus, Gustavo Bittencourt, Luigi D’Angelo, Pedro Mansa, Bistrô da Flor, Cândida Monte, Well Guitti e Bar Ornitorrinco.

Página do evento, aqui

AIREZ GALERIA DE ARTISTAS INDEPENDENTES APRESENTA: L.A.TINO, POR PEDRO VIEIRA

“LATino surgiu do meu encontro com Tino, um mecânico mexicano que vive em Los Angeles. Tino não fala inglês, leva 12 anos vivendo nos E.U.A. e ainda que viva em uma área dominada por Latino Americanos é uma pessoa solitária. Busca em abstrações do mundo a resposta para a vida e o sistema opressor no qual crê viver. Tem em seu repertório um popurrí de filosofias e conhecimentos populares que explicam sua existência. Segundo ele – “Vivimos como cucarachas atrapadas en un vaso de cristal. No vemos la pared porque el cristal es transparente y por eso no sabemos que estamos atrapados”. Tino crê que um dia poderá ser uma espécie de curandeiro, um xamã contemporâneo. Todos os dias Tino sobe as montanhas ao redor de Hollywood em sua busca para conectar-se com um outro universo.”
Pedro Vieira

SERVIÇO:
Local: • AIREZ • Galeria de Artistas Independentes.
Rua Treze de Maio, 778 cj. 15 – São Francisco, Curitiba

Coquetel de abertura:
7 de dezembro, 19h.

Horários de visitação: 
13h às 19h (segunda a sexta) 
14 às 17h (sábados)

Link Facebook: aqui

Pedro Vieira é organizador da Sem Licença e fotógrafo. Realizou Master em Fotografia na Blank Paper (Madri), especialização em Processo de criação e imagem (Tuiuti) e diversos cursos de aperfeiçoamento nos EUA. Seus trabalhos já foram expostos na América Latina e Europa, com destaque para o MAC –Pr, Centro de Belas Artes (Venezuela) e Galeria Blank Paper (Madri).

QUEER QUARREL

AIREZ • Galeria de Artistas Independentes apresenta: QUEER QUARREL, por Tom Lisboa

“Quando imaginei a ressignificação da sigla MBL (de Movimento Brasil Livre para Museu das Bichas Livres), “apenas” a exposição QUEERMUSEU, do Santander Cultural, de Porto Alegre, havia sido fechada. No espaço de uma semana, outras obras foram apreendidas no Mato Grosso do Sul e o espetáculo “O Evangelho Segundo Jesus, Rainha do Céu” teve sua temporada cancelada no SESC Jundiaí por provocar reflexões sobre a questão de gênero.

QUEER QUARREL é uma inconformada reação ao cenário atual e possível alerta sobre o que está por vir. A invisibilidade é uma condição que certos grupos tentam impor a outros seres humanos por não se adequarem a um padrão considerado vigente. Uma situação paradoxal, é bom deixar claro. As diferenças não devem ser associadas à escuridão mas à claridade que dá forma às principais perguntas de nossa existência.

Neste embate entre o que se quer ver e ser, construímos nossas QUARRELS. Felizmente esta tentativa de apagamento de um modo de viver veio cercada das mais diversas iniciativas em sentido contrário. Não podemos nunca nos esquecer que, se um espaço for fechado, faz-se necessário inaugurar outros. Se a censura nos proibir de dizer algo, precisamos falar de outro jeito e mais alto.

We will survive.”
Tom Lisboa

SERVIÇO:
Exposição “QUEER QUARREL”, por Tom Lisboa
Curadoria: Tom Lisboa
Local: • AIREZ • Galeria de Artistas Independentes
Data de abertura: 20 de setembro, 19h.
AIREZ • Galeria de Artistas Independentes – Rua 13 de maio,778, cj 15 . São Francisco – Curitiba.
Horários de visitação: 13h às 19h (segunda a sexta)

Evento Facebook: aqui