CURSO LIVRE DE CINEMA

Dias 14, 21 e 28 de Junho e 05 de Julho de 2017, em Curitiba, acontecerá o  Curso Livre de Cinema! Aberto ao público em geral (não precisa ter vínculo com a UNESPAR) e não é necessário se inscrever: é só chegar!

O objetivo (do curso) é introduzir os participantes à linguagem cinematográfica através de reflexões, debates, análises de filmes e exercícios práticos.

O curso  será promovido por alunos de Cinema e Audiovisual da UNESPAR/FAP (Cinema Unespar), sob orientação de Alexandre Rafael Garcia, tem como objetivo introduzir os participantes à linguagem cinematográfica através de reflexões, debates, análises de filmes e exercícios práticos.

Com uma carga horária total de 12 horas, não é necessário ter experiência ou conhecimento prévios. O curso é livre, gratuito e aberto à todas interessadas e todos interessados.

Os 4 encontros acontecem em quartas-feiras das 19h00 as 22h00, no auditório da Faculdade de Artes do Paraná (Unespar Campus de Curitiba II – FAP).

QUANDO: (encontros semanais, toda quarta-feira, das 19h as 22h)
14/06 – A construção do olhar crítico cinematográfico (Anna Petracca)
21/06 – Roteiro (Odair Rodrigues)
28/06 – Direção de Fotografia (Felipe Prado)
05/07 – Distribuição de filmes em festivais nacionais e internacionais (Debora Zanatta)

ONDE:
Auditório Antonio Melillo – Faculdade de Artes do Paraná
R. dos Funcionários, 1357 – Cabral, Curitiba – PR

Informações:
Não é necessário ter experiência ou conhecimento prévios. O curso é livre, gratuito e aberto à todos os interessados (estudantes ou não). Não há inscrição prévia, a participação no curso será reconhecida a partir da presença nas aulas. Aos estudantes, haverá um certificado de horas complementares (12h) mediante presença em, no mínimo, 75% do total de horas do curso.

Página do evento: aqui

“TRÊS VEZES PIRANDELLO” ENCERRA TEMPORADA EM COLOMBO

Diretor italiano traduz e adapta textos inéditos no país e monta espetáculo que conclui turnê pela Região Metropolitana de Curitiba este fim de semana

O Grupo Arte da Comédia escolheu a Região Metropolitana de Curitiba para receber a primeira temporada do seu mais novo espetáculo: Três vezes Pirandello. Tragédia, drama, comédia. A trupe paranaense, que já tem dez anos de trajetória consagrados por premiações diversas, é dirigida por Roberto Innocente, italiano de Padova radicado na capital paranaense. A montagem, que estreou em Curitiba no final de abril, reúne em três atos três obras do dramaturgo siciliano Pirandello, duas delas inéditas no Brasil. Este fim de semana, a peça tem três apresentações em Colombo com entrada franca. O espetáculo já passou por Campo Largo, Araucária e Almirante Tamandaré.

De acordo com o diretor artístico do Arte da Comédia, o Brasil ainda conhece pouco a obra de Pirandello. “Ele foi, sem dúvida, o maior dramaturgo italiano do século passado e parte expressiva dos brasileiros ainda conhecem apenas a obra Seis personagens em busca de um autor. Com este projeto, queremos dar aos curitibanos e, em especial, ao público da RMC, a possibilidade de ter um contato mais profundo com a vida e a obra deste autor tão importante”, enfatiza Innocente.

Os textos traduzidos e adaptados por Roberto são: O homem da flor na boca, A certidão e Cecé. Na montagem do Arte da Comédia, o diretor intercalou trechos dessas três obras por meio de diálogos imaginários com o próprio Pirandello acompanhados por um repertório musical tipicamente siciliano. “Damos ao espetáculo um clímax mediterâneo, próprio da Sicília, contexto original das peças de Pirandello”, explica o diretor.

As sessões em Colombo têm entrada franca e acontecem de sexta a domingo – dias 2, 3 e 4 de junho, no Colombo Park Shopping. O projeto é produzido por Joseane Berenda em colaborção com o grupo Arte da Comédia, conta com o incentivo do Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura do Paraná, o patrocínio da Copel e o apoio do Palavração (Cia de Teatro da UFPR).

Serviço:
Três Vezes Pirandello. Tragédia, Drama, Comédia.
Em Colombo:
Datas: 9 e 10 de junho, às 20. 11 de junho, às 19h.
Local: No Colombo Park Shopping. Rua Dorval Ceccon, 664 – Fátima.
Ingressos: Entrada franca (retirada 1 hora antes do espetáculo na bilheteria do espaço)

Ficha Técnica:
Elenco: Joseane Berenda, Marwem HD, Anidria Stadler, Douglas Borba, Duilio de Pol, Pedro Inoue.
Figurino: Gilca Rigotti
Cenário: Roberto Innocente
Cenotécnico: Bira Paese e equipe
Iluminação: Rodrigo Ziolkowski
Trilha sonora e gravações: Fábio Silva Ladeira
Adereços: Gilca Rigotti e Joseane Berenda
Programação visual: Marcelo Felczak
Impressão: Sidtony

Assessoria de Imprensa: Smartcom – Inteligência em Comunicação
Foto e Vídeo: Fábio Silva Ladeira

Projeto realizado através da Lei de Incentivo a Cultura da Secretaria de Cultura do Estado do Paraná – PROFICE. Patrocínio – COPEL. Apoio – CIA PALAVRAÇÃO – UFPR – GRUPO ARTE DA COMÉDIA

Grupo Arte da Comédia – Fundado em 2006 pelo diretor artístico de origem italiana Roberto Innocente, o grupo pesquisa a comédia clássica e seus tipos universais em busca de personagens e temáticas essencialmente brasileiras. Para tanto, além de pesquisar profundamente as técnicas teatrais da Commedia Dell’Arte, tem estudado os aspectos contemporâneos de composição da sociedade brasileira, assim como suas manifestações históricas, culturais e artísticas. Seguindo esta linguagem, está em seu 16º espetáculo, já viajou por diversos locais do Brasil, foi vencedor de quatro troféus Gralha Azul, recebeu diversas premiações em festivais de artes cênicas nacionais e, este ano, por meio do Programa de Apoio e Incentivo à Cultura da Fundação Cultural de Curitiba, completa a sua primeira década de existência com a montagem inédita do clássico de Flaminio Scala, a Loucura de Isabella. Ainda este ano, foi selecionado entre centenas de grupos da América Latina para representar o Brasil no Peru, na IX Festepe Internacional.

PRÊMIO DE CULTURAS POPULARES: MINC OFERECE 500 PRÊMIOS DE R$ 10 MIL PARA OBRAS DE CULTURA POPULAR


O Ministério da Cultura (MinC), por meio da Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural, lançou  o Edital Culturas Populares Leandro Gomes de Barros. Serão premiadas 500 iniciativas que fortaleçam as expressões culturais populares brasileiras, retomando práticas populares em processo de esquecimento e que difundam as expressões populares para além dos limites de suas comunidades de origem. Exemplos dessas iniciativas são o Cordel, a Quadrinha, o Maracatu, o Jongo, o Cortejo de Afoxé, o Bumba-Meu-Boi e o Boi de Mamão, entre outros. Só não estão incluídas Culturas Indígenas, Culturas Ciganas, Hip Hop e Capoeira, por já serem objeto de editais específicos lançados pelo MinC. As inscrições já estão abertas e seguem até 28 de julho.

Durante o evento de lançamento, o ministro da Cultura interino, João Batista de Andrade, lembrou a época de crise vivida no País, salientou que a cultura não deve ser vítima dela e falou sobre a importância da cultura popular brasileira. “A base fundamental da nossa vida é a cultura que nasce do povo e que se manifesta ali. Tem uma intensidade muito grande, além de ter grande capacidade de revelar a vida brasileira. A literatura de cordel é um fenômeno raro no mundo, tão popular com tantos autores, que movimenta uma indústria”, exemplificou.

Este é o primeiro edital de cultura popular lançado pelo Ministério da Cultura desde 2012. Segundo a secretária da Cidadania e da Diversidade Cultural do MinC, Débora Albuquerque, há uma preocupação da Pasta em manter viva e em preservar as manifestações culturais populares, os saberes populares e os seus mestres. “É o maior edital da cultura popular em número de prêmios e isso só reflete a preocupação do MinC em preservar a cultura popular, incentivar os fazedores de cultura popular e reconhecer o trabalho desses mestres, grupos e comunidades”, afirmou.

A secretária explicou ainda que, ao promover iniciativas como este edital, o Estado brasileiro dá importante passo no reconhecimento do protagonismo de mestres e mestras praticantes das culturas populares. “O incentivo à participação social de representantes desse segmento na elaboração de políticas públicas de cultura e o acesso a recursos públicos é outro passo na garantia de seus direitos culturais”, destacou.

Das 500 premiações, 200 serão destinadas a pessoas físicas, outras 200 a coletivos culturais sem constituição jurídica, 80 a pessoas jurídicas sem fins lucrativos e com natureza ou finalidade cultural e 20 a herdeiros de mestres já falecidos (In Memorian), em homenagem à dedicação do trabalho voltado aos saberes e fazeres populares e às expressões culturais, com reconhecimento da comunidade onde viveram e atuaram. Cada iniciativa selecionada receberá R$ 10 mil.

Inscrições

Cada candidato poderá apresentar apenas uma iniciativa para a seleção. As inscrições poderão ser feitas pela internet ou por via postal. Em caso de inscrição on-line, a documentação prevista no edital deverá ser preenchida, assinada e anexada ao Sistema de Acompanhamento às Leis de Incentivo à Cultura – SalicWeb.

Caso o candidato prefira realizar a inscrição por via postal, ela deverá ser enviada com aviso de recebimento obrigatório (AR) simples ou entrega rápida para o endereço especificado no edital.

Para auxiliar candidatos a participarem da seleção, o MinC promoverá oficinas gratuitas e abertas ao público. Assim que as datas e locais forem definidos, o calendário será publicado no site do Ministério da Cultura.

Critérios de avaliação

Uma comissão de seleção será responsável pela avaliação das iniciativas na fase de classificação. Contará com, no mínimo, 20 membros, sendo 10 titulares e 10 suplentes e será composta por servidores públicos e representantes da sociedade civil.

Entre os critérios avaliados estão: contribuição sociocultural que o projeto proporcionou às comunidades; melhoria da qualidade de vida das comunidades a partir de suas práticas culturais; e impacto social e contribuição da atuação para a preservação da memória e para a manutenção das atividades dos grupos, entre outros.

Cultura popular

A cultura popular nasce do conhecimento, dos costumes e tradições de um povo. Expressa-se em saberes, fazeres, práticas e artes produzidos pela comunidade e pelos seus mestres e mestras. Dessa forma, o Edital busca premiar iniciativas já realizadas que envolvam as práticas dos saberes tradicionais no campo da música, cantos, danças e festejos, narrativas simbólicas, medicina popular, culinária, literatura, cordel, contos, formas de plantios, jogos e brincadeiras populares, entre outros.

As expressões culturais populares abarcam manifestações que fazem parte da própria identidade do País. A literatura de cordel, as quadrilhas juninas, o jongo, o maracatu e o bumba-meu-boi, festa folclórica tradicional brasileira, são alguns exemplos.

Homenagem a Leandro Gomes

O edital leva o nome de Leandro Gomes de Barros para homenagear o cordelista paraibano nascido em 1865, no município de Pombal (PB). Considerado o rei dos poetas populares do seu tempo, também foi chamado de “príncipe dos poetas”, em 1976, por Carlos Drummond de Andrade. Gomes morreu em 1918, no Recife.

Presente à cerimônia de lançamento do edital, Ione Severo, diretora da cordelteca Leandro Gomes de Barros, localizada em Pombal (PB), e pesquisadora da obra do cordelista há mais de 20 anos, observou que o homeageado do edital foi “o maior distirbuidor da literatura de cordel do Brasil”.

Em edições anteriores, foram homenageados o cineasta e ator Amácio Mazzaropi (2012) e a artesã, ceramista e bonequeira do Vale do Jequitinhonha mestra Izabel Mendes da Cunha (2009). Além disso, o edital fez tributo ao mestre maranhense Humberto Barbosa Mendes, por sua contribuição para a promoção de expressões culturais típicas de sua região, como o Bumba Meu Boi (2008), e o músico Mestre Duda, por seu papel de destaque na construção da história do frevo (2007).

fonte: Ministério da Cultura

GERENTE DE MARKETING / CURITIBA

vaga para trabalhar em Curitiba

Atividades:
– Elaborar estratégias para manter e aumentar o número de associados, aumentar a venda de produtos, detectar as necessidades e tendências de demanda de associados e consumidores e elaborar projetos que visem satisfazê-las, aumentando o alcance e melhoria da imagem das ações da Obra  Evangelizar É Preciso.

– Estudar o comportamento do público atual e público desejado e realizar as mudanças a fim de atendê-las.

– Dar suporte às áreas de expansão, rádio, tv e comercial.

– Elaborar estratégias para melhorar a imagem e maximizar o lucro, coordenar campanhas publicitárias, promover qualquer imagem, seja de produtos, serviços (rádio e TV), institucional ou relacionamento com associados.

– Elaborar táticas de venda em sintonia com a área comercial. Desenvolver novos produtos, supervisionar a execução das atividades desta área, pesquisar e analisar a concorrência.

– Observar as oportunidades de mercado.

– Pesquisar e apontar as tendências de mercado analisando e traduzindo todas as informações coletadas no mercado, indicando os pontos fortes e fracos.

– Dar suporte à gestão de associados.

– Coordenar a gestão da área de comunicação.

– Interagir e dar suporte, quando houver demanda, às áreas de assessoria de imprensa, assessoria executiva, assessoria de marketing digital e eventos.

 – Dar suporte às ações de relações institucionais.

– Dar suporte às demandas de “crisis communications”, auxiliando na solução de situações de crise, internas ou externas.

Requisitos:
Visão estratégica, trabalho em equipe, ser dinâmico, ter visão orientada para processos e resultados; Escolaridade: Graduação em Marketing e afins

Salário: A combinar na entrevista

Benefícios: Plano de saúde e plano Odontológico, Vale Alimentação, Vale Refeição, Vale Transporte, Seguro de vida, Convênio farmácia, entre outros.
Carga Horária: 44 hrs semanais ( Seg. a sex.)

Interessados enviem currículo com pretensão salarial e o nome da vaga no assunto para: recrutamento@evangelizarepreciso.com.br

VEGA I.T. CONTRATA WEB DESIGNER

Vega I.T. contrata Web Designer. Vaga para trabalhar em Curitiba.

requisitos: Morar na cidade de Curitiba-PR ou região metropolitana; Domínio de ferramentas Adobe (Photoshop e/ou Illustrator); Domínio de HTML, CSS, Javascript, jQuery. Diferenciais: Experiência com design responsivo; Conhecimento de UX.

Horário: Comercial (40 horas semanais).

Regime de Contratação: CLT (Efetivo).

Benefícios: Assistência médica / Medicina em grupo, Assistência odontológica, Seguro de vida em grupo, Refeição fornecida no local, Vale transporte, Celular fornecido pela empresa, Remuneração fixa + variável por desempenho.

Interessados enviem portfólio e currículo com pretensão salarial neste link

fonte

HEADS PROPAGANDA CONTRATA ANALISTA DE PERFORMANCE

Heads Propaganda contrata Analista de Performance. Vaga para trabalhar em Curitiba.

Para trabalhar no núcleo de performance, precisa ter disposição e saber de:
– planejamento tático de performance;
– implementação e otimização de campanhas de performance;
– execução e mensuração de performance;
– análise de estratégias;
– análise de resultados;
– criação de relatórios;
– Google search & display;
– Facebook Ads;

Curtiu?
Então mande seu currículo com pretensão salarial para patricia@heads.com.br / e já vai abrindo o Excel aí:) “

fonte

obs.: oportunidade divulgada no Grupo (do facebook) “Vagas de Comunicação no PR

VENDIDO ::: VIOLÃO TAGIMA DALLAS ELETROACÚSTICO COR SUNBURST C/ AFINADOR EMBUTIDO

Violão em ótimo estado! Muito gostoso de tocar. Braço fino. Cordas suaves, de nylon. Belo som.

Vai com afinador embutido, vai com cordas de nylon.

Não acompanha case.

Obs.: tem um risco na parte de trás; e vai sem bateria no afinador.

Detalhes técnicos do site da fabricante Tagima:
BRAÇO: Natowood
ESCALA: 25.5
CAPTAÇÃO: Piezo
PRÉ: Tagima TEQ-5, ativo de 5 bandas e afinador ou Tagima TEQ-8 ativo de 4 bandas e afinador.
CONTROLES: Tagima TEQ-5: volume, médio, grave, agudo, presence e brilliance ou Tagima TEQ-8: volume, médio, grave, agudo e presence.
TARRAXAS: Cromadas e blindadas
CORES: Sunburst
BOJO: 96 mm x 102 mm     

Preço: R$450,00 (aceitamos cartão!) Aproveite!!! Você também pode comprá-la direto no MercadoLivre através deste link

LOJA DAS PULGAS! Rua Padre Paulo Warkocz, 29, CIC / Orleans – próximo ao cemitério/viaduto do Orleans e Escola Estadual Santo Antonio. Mencione que viu este anúncio no FATO Agenda, ajuda nozes!

Mais informações: Leandro H: (41) 99745-5294 (tim/WhatsApp)

Muito obrigado!!!

Confira as fotos:






ATORES PROFISSIONAIS SE JUNTAM A AMADORES NO PALCO DA CAIXA CULTURAL CURITIBA

Pessoas comuns foram escolhidas por anúncio de jornal. Ao lado dos profissionais, eles contam sua história verdadeira na maior intimidade

A CAIXA Cultural Curitiba apresenta, de 16 a 18 de junho, o espetáculo Amadores, da Cia Hiato, de São Paulo. Na peça, resultado de pesquisa da companhia, cinco atores profissionais contracenam com 13 artistas amadores, pessoas de diversas áreas que foram selecionadas por meio de anúncios em jornal ou oficinas públicas. Além de exporem as suas experiências pessoais, cada um dos amadores tem alguma habilidade artística. “Durante a seleção, muitos deles nunca tinham ido ao teatro. Esta foi sua primeira experiência no palco. E eles têm perfis muito diversos: há um atendente de telemarketing, uma empregada doméstica, um ator pornô. O resultado é surpreendente”, avalia o ator Thiago Amaral, que integra o elenco de Amadores.

O espetáculo é um passeio por histórias e contextos, uma galeria de retratos vivos, num diálogo cênico surpreendente. Os amadores fazem um discurso pessoal que os revela socialmente, seja pela marginalização, por questões raciais, de gênero ou sexualidade, exclusão de classe ou por contextos culturais diversos. O que começou como uma entrevista de elenco, em que cada um deles exibiu suas especialidades e seus “objetos de arte”, chega ao palco como um compartilhamento de experiências pessoais.

A companhia aposta no teatro – suas convenções, seus códigos, gêneros e profissionais – para ampliar as possibilidades do que pode ser apresentado em cena, expondo diferentes experiências artísticas ao mesmo tempo, dando voz ao público que se sente marginalizado pelas artes e até mesmo aos profissionais que também podem estar excluídos.

Ronaldo de Moraes é um dos amadores. Morador da periferia de São Paulo, recém formado em Ciências Sociais, ele diz que a experiência é muito positiva. “É uma honra integrar este elenco. Tenho a liberdade de ser quem eu sou. Foi assim desde a primeira entrevista. E foi uma alegria ter sido aceito. Quando cheguei, eu, que acumulava diversos fracassos, tinha uma história de estigmas e preconceito, também tinha preconceito. Minha visão era limitada. Achava que vida de artista era vida de glamour. Depois eu vi o trabalho que é, quantas pessoas envolvidas”, diz Ronaldo, que está desempregado, foi alcoólatra, se envolveu com drogas e terminou a faculdade aos 47 anos de idade.

“Espero que as pessoas se identifiquem com alguma história entre as que vamos contar.” O personagem de Ronaldo, que representa ele mesmo, conta da sua descoberta diante dos espaços culturais da cidade de São Paulo. ”Falo de pertencimento através dos espaços culturais”, explica.

Em 2017, a Cia. Hiato comemora nove anos desde a estreia de seu primeiro espetáculo, “Cachorro Morto”. Nesses anos, foram criados cinco espetáculos, que associam memória e invenção, numa busca por novas dramaturgias, traço característico do grupo. A Cia. Hiato fez uma série de apresentações em palcos e festivais internacionais – Alemanha, Áustria, Bélgica, Chile, Colômbia, Estados Unidos, Holanda, Grécia e Romênia.

“Abandonamos a pessoalidade, a metalinguagem e a biografia para pensar o outro, aquele que normalmente é excluído do palco ou que só aparece nele como representação ou discurso”, explica o diretor e dramaturgo do espetáculo, Leonardo Moreira.

fotografia: Ligia Jardim

Serviço:
Teatro: Amadores
Local: CAIXA Cultural Curitiba, Rua Conselheiro Laurindo, 280 – Centro de Curitiba (PR)
Data: 16 a 18 de junho de 2017 (sexta a domingo)
Horário: sexta-feira e sábado, às 20h. Domingo, às 19h
Ingressos: vendas a partir de 10 de junho (sábado). R$ 10 e R$ 5 (meia – conforme legislação e correntistas que pagarem com cartão de débito CAIXA). A compra pode ser feita com o cartão vale-cultura.
Bilheteria: (41) 2118-5111 (de terça a sábado, das 12h às 20h, e domingo, das 16h às 19h)
Classificação etária: não recomendado para menores de 14 anos
Lotação máxima: 125 lugares (2 para cadeirantes)

Informações e entrevistas:
Assessoria Curitiba – Cia Hiato:  Fernando – (41) 9 9996.5292 / fernandodproenca@gmail.com
Assessoria CAIXA: Fabiana – (41) 9 8403.1653 / fabiana.fernandes@grupoinforme.com.br