EX-ALUNO MEDIANEIRA E CAMPEÃO OLÍMPICO, EMANUEL PARTICIPA DA ABERTURA DA OLIMPÍADA 2017 DO COLÉGIO

Considerado um dos nomes mais importantes do esporte brasileiro, Emanuel Rego começou sua carreira como atleta no Medianeira

No ano em que o Medianeira completa 60 anos de sua fundação pelo P. Oswaldo Gomes, a tradicional Olimpíada do Colégio chega a sua 45ª edição. A abertura, que acontece no dia 24 de junho, a partir das 8h, terá a participação de todas as turmas, da Educação Infantil ao Terceirão, além de contar com presença de Emanuel Rego, ex-aluno campeão olímpico e mundial de vôlei, além de maior vencedor do Circuito Mundial com 10 títulos e 77 medalhas de ouro em etapas da competição.

Emanuel começou sua carreira como atleta no Medianeira, aos 11 anos, quando treinava vôlei no contraturno após convite dos amigos. “O Colégio foi fundamental na minha iniciação esportiva, durante as aulas de educação física pude aprender e ter vivência em vários esportes, como atletismo, handebol, futebol, basquete e vôlei”, comentou o atleta.

Para Sueli Takemori, professora de Judô e organizadora das Olimpíadas, o desenvolvimento de Emanuel como atleta de alto nível representa o compromisso do Medianeira com o esporte e com a formação do sujeito em sua integralidade. “Isso mostra toda a importância do esporte dentro do Colégio em sua função pedagógica e consolida também o Centro de Esportes”, explica.

Aprendizagens
Emanuel integra o Hall of Fame do vôlei desde 2016, foi eleito “Personalidade do Ano” no Circuito Mundial nas temporadas de 2005, 2010 e 2011, “Melhor Atleta” nos Jogos Olímpicos de 2004 e é o jogador com mais títulos na história do vôlei de praia, somando 155 conquistas. Segundo o campeão olímpico, as conquistas dentro de quadra são também resultado das aprendizagens e experiências vivenciadas no Medianeira.

“O Colégio sempre desenvolveu a formação de opinião e a autoestima. O sistema de estudo era de desenvolvimento do conhecimento, apoiado em boas práticas de raciocínio lógico Acredito que isto me levou a ser um grande atleta: ter opinião bem formada e personalidade para assumir os meus compromissos”, resume Emanuel, considerado o “Melhor Atacante” do Circuito Brasileiro em 1999, 2003 e 2006, além de escolhido como “Atleta da Última Década do Século” pela Fédération Internationale de Volleyball (FIVB).

A professora de Educação Física, Graciela Zachar Gomez, também responsável pela organização da Olimpíada do Medianeira, observa a prática esportiva dentro da instituição como uma atividade alicerçada pelo currículo, estabelecendo um vínculo entre a competição e os assuntos abordados em sala de aula. “Eu penso que o esporte é mais um instrumento que colabora para a formação integral e ele se configurou como uma prática educativa.”

O compromisso do Colégio Medianeira, expresso por meio do esporte e da arte, reflete a preocupação com a formação de homens e mulheres capazes de ver a sociedade com um olhar mais justo e fraterno, pautados pelo pensamento crítico e criativo e pela convicção de que outro mundo é possível.

Serviço:
Abertura da 45ª Olimpíada do Colégio Medianeira
Quando: 24 de junho – sábado
Horário: a partir das 8h
Endereço: Av. José Richa (Marginal da Linha Verde), 10.546 | Prado Velho | Curitiba/PR | CEP 81690-100 | Fone (41) 3218-8000
Entrada gratuita

JANINE MATHIAS CANTA AOS 50 ANOS DE BETH CARVALHO NO “SAMBA DA NEGA”

Projeto idealizado pela cantora apresenta os clássicos da “madrinha do samba”

50 anos de carreira, 34 discos e 4 DVDs. Beth Carvalho dispensa qualquer apresentação. Ela não é apenas a “madrinha do samba”, mas responsável por amadrinhar um bando de bambas, entre eles, Fundo de Quintal, Zeca Pagodinho, Almir Guineto, Sombra, Sombrinha, Arlindo Cruz, Luis Carlos da Vila, Jorge Aragão e muitos outros. Beth consagrou o samba da maneira plena, levou a batucada para onde está o povo. Pagodeira assumida, introduziu em seus shows e discos instrumentos como o banjo com afinação de cavaquinho, o tan-tan e o repique de mão. A cantora já recebeu seis Prêmios Sharp, 17 Discos de Ouro, nove de Platina, dois DVDs de Platina, além de centenas de troféus e premiações. Por essas e tantas outras ela é a homenageada nesta edição do “Samba da Nega”.

No próximo sábado (24), a cantora e compositora, Janine Mathias apresenta o show “Samba da Nega especial Beth Carvalho”. A apresentação acontece no Jokers Pub, a partir das 22h, com abertura e discotecagem da produtora e DJ, Adri Menegale. Janine é acompanhada pelos músicos, Sergio Pires, Leonardo Novaes de Lima, Leandro Novaes, Érica Silva e Lucas Miranda.

Em mais de cinquenta edições, o “Samba da Nega” já foi visto por aproximadamente dez mil pessoas. Dá herança percussiva das batucadas, dos sambas memoráveis, ao novo repertório, Janine Mathias apresenta o “Samba Da Nega” com todas as referências e autenticidade que o próprio samba evoca. Diversos músicos já se apresentaram ao lado da nega desde a estreia do projeto. Passaram pelo palco do “Samba da Nega”, Eduardo Brechó (SP), Karla da Silva (RJ), Toninho Geraes (RJ), Tássia Reis (SP), Íria Braga (PR), Léo Fé (PR), Bernardo Bravo (RJ), DJ Vivian Marques (SP), MV Hemp (RJ) entre tantos outros.

A relação genuína de Janine com o samba vem do pai, de sua herança familiar carioca e baiana. Brasiliense de berço, Janine se mudou para Curitiba e lá se inseriu musicalmente. Participou do concurso “Samba do Compositor Paranaense”, e ficou em terceiro lugar com a música “Água que retira dor”. Em 2013, apresentou no Teatro Paiol, o show “E o Meu Samba Vai Ficar Assim”, com músicas próprias e no mesmo ano foi convidada da Orquestra Democratas e interpretou o samba “Muita Areia”, de Alex Souza e Panelão, samba gravado e lançado em single pela própria Janine durante o carnaval de 2015. No segundo semestre a cantora vai lançar o disco “Dendê”, com direção e produção musical de Eduardo Brechó.

SERVIÇO
Samba da Nega Especial Beth Carvalho
Quando: 24 de junho (sábado).
Horário: A partir das 22h.
Local: Jokers Pub
Endereço: Rua São Francisco, 164 – Centro de Curitiba.
Entrada: R$15 até às 23h30 (após R$25).
Promoção: Os cem primeiros bambas ao chegarem no Jokers ganham 1 chope. No app Onde Ir Curitiba tem sorteio de convites a partir do aplicativo. Reservas: (41) 3013-5164

NÓS_ DEMOCRACIA DIGITAL

Nos dias 26 e 27 de junho o Laboratório de Cultura Digital realiza o “NÓS_”, um evento-provocação que reúne diferentes atores sociais para uma imersão sobre democracia no meio digital. Apresentações, rodas de conversa, dinâmicas interativas e experimentações sobre temas como modelos livres de produção de conhecimento, democratização do Estado e inovações de processos digitais abertos, distribuídos e colaborativos.

Dentre os participantes estão o produtor cultural, ativista tropicalista e co-fundador do Mídia Ninja Cláudio Prado e o professor e pesquisador da área de comunicação, política e democracia digital Wilson Gomes, além de hackers, ativistas digitais, artistas e pesquisadores.

O Laboratório de Cultura Digital convida a todas e todos a participar, dialogar sobre o presente e refletir alternativas para nossa democracia.

O que vai rolar?

LIVRO VIVO
DEMOCRACIA, ESTADO e LIBERDADE vão provocar esta experiência com apresentações rápidas e reflexivas na companhia dos autores dos dois livros produzidos pelo Laboratório de Cultura Digital.

Teatro Universitário de Curitiba – TUC
Galeria Júlio Moreira, Tv. Nestor de Castro, s/nº – Centro de Curitiba
19h
26/06/2017

TECNOLOGIAS LIVRES
Software livre a serviço do comum. Neste espaço vamos apresentar e experimentar as tecnologias desenvolvidas pelo LAB. Governo, sociedade civil, empresas e profissionais autônomos são convidados a conhecer ferramentas livres para potencializar a gestão pública, colaborativa e compartilhada.

Sala 206, edifício Dom Pedro I, Reitoria UFPR
Universidade Federal do Paraná – Rua XV de Novembro, 1299 – Centro de Curitiba
10h
27/06/2017

AQUÁRIO DE DEBATES
Rompendo com a lógica tradicional das mesas de debate, aqui as vozes serão múltiplas e rotativas. O método “aquário de debates” propõe a interação entre 20 convidados mais o aplicativo público de debates Delibera.

Pátio da Reitoria UFPR
Universidade Federal do Paraná – Rua XV de Novembro, 1299 – Centro de Curitiba
14h30
27/06/2017

Mais informações em acesse: www.nos.democraciadigital.org.br/

Laboratório de Cultura Digital

FESTIVAL DE ETNIAS DO PARANÁ: QUALIDADE ARTÍSTICA DE GRUPOS FOLCLÓRICOS É RECONHECIDA NO BRASIL E FORA DELE

Apesar de não serem compostos por dançarinos profissionais, os grupos que se apresentarão no Festival Folclórico de Etnias do Paraná mantêm uma rotina de disciplina e constantes ensaios, a fim de garantir a qualidade técnica e artística das apresentações.

O Festival de Etnias acontece de 2 a 13 de julho, no Teatro Guaíra e no Guairinha. O evento é uma realização da Associação Interétnica do Paraná (Aintepar) e da Trento Edições Culturais.

O esforço é recompensado. O grupo polonês Wisla, por exemplo, têm reconhecimento internacional. Em julho, logo após o espetáculo em Curitiba, os integrantes embarcarão para uma turnê que passará por 18 cidades da Polônia.

Quase ao mesmo tempo, o Grupo Folclórico Ucraniano Poltava vai participar do Festival de Dança de Joinville, o maior do mundo. A coreografia enviada para a pré-seleção do evento foi escolhida pelos jurados para participar da mostra competitiva.

É a terceira vez que o Poltava vai ao Festival de Joinville. Nas outras duas, em 2002 e 2003, ficou em sétimo e segundo lugares, respectivamente, na categoria danças populares.

Em Santa Catarina, será apresentada a coreografia Sviatkuvannya v Poltavi. A mesma dança fará parte do espetáculo do Festival de Etnias do Paraná, no dia 7 de julho.

Em Curitiba não há uma mostra competitiva, mas no Festival de Joinville o Poltava entra com a pretensão de ganhar. “Não é pelo dinheiro do prêmio, é pelo prestígio”, explica o presidente do grupo, Elias Kalinovski.

Com essas duas grandes apresentações programadas para o mês de julho, os dançarinos do Poltava têm encarado uma rotina de ensaios de nove horas semanais, concentradas principalmente nos finais de semana. “O pessoal está soltando foguetes, todos bastante ansiosos para sentir essa energia”, conta Kalinovski.

Turnê polonesa
O grupo de folclore polonês Wisla se apresenta no dia 3 de julho no Festival de Etnias. No dia 9, embarca para a Polônia, onde em 22 dias passará por 18 cidades. Não é a primeira vez.

Desde 1996, de três em três anos o grupo é convidado pelo governo polonês a se apresentar em um festival de cultura popular do país. Nas últimas três ocasiões, acabou fazendo extensas turnês. “A gente já é conhecido lá, o que favorece os contatos”, diz Lourival Araújo, coreógrafo do Wisla.

Como o Poltava, o Wisla também já participou do Festival de Dança de Joinville. Venceu em 1999 e conseguiu boas colocações em 2001 (3º lugar), 2007 (2º) e 2013 (2º). Anos antes, na década de 80, se apresentou para o papa João Paulo II, no estádio Couto Pereira.

Este ano, o grupo levará ao país eslavo uma apresentação dividida em duas partes, reservadas aos folclores polonês e brasileiro, respectivamente. A primeira é a mesma que será exibida aqui, durante o Festival Folclórico de Etnias.

A coreografia, como acontece todo ano, começou a ser concebida em novembro. “O que dá mais trabalho é fazer as pessoas perceberem a importância cultural de cada passo, cada movimento, o que essa manifestação diz sobre cada região da Polônia. Embora os dançarinos sejam descendentes de poloneses, eles são brasileiros, você precisa conectar eles com essa carga”, pontua Lourival. “É importante, por isso a gente se dedica e consegue com o tempo.”

Araújo morou por cinco anos na Polônia, onde se formou coreógrafo na Universidade de Lublin.

Os dançarinos do Wisla têm ensaiado 11 horas por semana. Para a viagem à Polônia, não existe patrocínio, e cada integrante vai arcar com suas despesas. “Mesmo assim, por ser algo fantástico, todos querem ir”, destaca Lourival.

Serviço:
Festival Folclórico de Etnias do Paraná
De 02 a 13 de julho
No Teatro Guaíra e no Guairinha, centro de Curitiba.
Confira a programação:
www.festivalfolclorico.com.br

SENAC PR CONTRATA JORNALISTA


Senac-PR
contrata Jornalista. Vaga para trabalhar em Curitiba, na Assessoria de Comunicação e Marketing.

atividades: Redigir matérias jornalísticas para os meios de comunicação da instituição (revista, boletim, site, etc…); Realizar assessoria de imprensa: elaborar e enviar releases. Fazer o relacionamento com os veículos de comunicação visando conquistar mídia espontânea. Levantar fonte para entrevista, negociar datas e acompanhar os entrevistados;  Acompanhamento e cobertura jornalística de eventos;  Controlar o clipping do material publicado na imprensa por meio de clipping terceirizado;

requisitos: Ensino superior completo em Comunicação Social – Habilitação em Jornalismo; Experiência de 6 meses em redação de matérias, assessoria de imprensa e coberturas jornalísticas de eventos; Disponibilidade para viagens e eventos noturnos;

Carga-horária: 25 horas semanais

Horário: De segunda à sexta das 13h00 às 18h00.

Salário: R$ 3.476,00 + benefícios.

As inscrições deverão ser realizadas por meio de cadastro no site www.pr.senac.br / no link “Trabalhe Conosco”, no período compreendido entre o dia 22 de junho de 2017 e às 23 horas e 59 minutos do dia 02 de julho de 2017, observando o horário oficial de Brasília/DF, ou mediante entrega de currículo, protocolado, identificando a vaga, diretamente no local de provimento desta, no horário comercial e no prazo estabelecido.

Confira o edital completo, aqui

PRÊMIO SISTEMA FIEP DE JORNALISMO

Serão premiadas as melhores matérias sobre a indústria do Paraná em cinco categorias

O Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo segue com inscrições abertas até dia 19 de setembro. A iniciativa, do Sistema Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), tem apoio do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná (Sindijor-PR) e vai premiar as melhores reportagens sobre a indústria do Paraná em cinco categorias – jornalismo impresso, internet, fotojornalismo, reportagem de rádio e reportagem de TV. O prêmio é uma forma de reconhecer o trabalho da imprensa e sua contribuição para o desenvolvimento do setor industrial e da economia do Paraná e do Brasil.

“Os jornalistas têm papel fundamental na disseminação de informações relevantes e na divulgação de boas práticas”, afirma o presidente do Sistema Fiep, Edson Campagnolo. Segundo ele, o jornalismo contribui para o desenvolvimento do setor industrial e da economia como um todo, sendo peça chave na evolução da sociedade. “Este prêmio é uma das formas de reconhecer o trabalho da imprensa, importante parceira do Sistema Fiep e da indústria do Paraná”, destaca.

O tema é A Indústria do Paraná e os trabalhos podem tratar de várias aspectos que envolvem o universo industrial, como políticas públicas, mercado, inovação, qualificação profissional, saúde e segurança do trabalhador da indústria, compliance, responsabilidade social corporativa, entre outros. Podem ser inscritos trabalhos publicados ou veiculados na imprensa de todo o Brasil entre 24 de outubro de 2016 e 18 de setembro de 2017.

O primeiro colocado de cada categoria receberá R$ 6,6 mil; o segundo colocado, R$ 3,3 mil e o prêmio para o terceiro colocado será de R$ 2,2 mil. No total, serão distribuídos R$ 60,5 mil em prêmios. Além do valor em dinheiro, os vencedores receberão troféus e certificados. O trabalho que obtiver a maior pontuação entre todos os inscritos será ainda reconhecido com o troféu Heitor Stockler de França. O nome é uma homenagem ao primeiro presidente da Fiep, que também atuou como jornalista.

Em três edições o Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo recebeu 246 inscrições e premiou 45 trabalhos. Nesta quarta edição, os trabalhos finalistas serão conhecidos em novembro, quando haverá a solenidade de premiação. A comissão de julgamento será formada por três jornalistas, um acadêmico e um industrial.

As inscrições são totalmente online e devem ser feitas pelo site www.premiofiepdejornalismo.com.br onde está disponível o regulamento e os trabalhos premiados nas edições anteriores.

PELE MADURA MERECE ATENÇÃO ESPECIAL

Assunto é tema de palestra gratuita voltada aos idosos

Cuidados com a pele, como a necessidade de usar filtro solar para evitar danos provocados pelo sol, a hidratação para diminuir o ressecamento devido às baixas temperaturas do inverno e as doenças de pele mais comuns nos idosos serão os assuntos debatidos durante o Viver Mais VITA – Melhor Idade, que acontece neste sábado (24), a partir das 8h30, no Hospital VITA, localizado no bairro Batel. O evento é gratuito e destina-se a pessoas com mais de 60 anos.

A palestra “Dermatologia e idosos” será ministrada pela Dra. Tatiane Bacchi Gehlen Lenzi de Araújo e segundo a dermatologista, conforme a idade avança, a pele vai se modificando, assim como os demais órgãos, o que requer alguns cuidados especiais. “As alterações ocorrem em todas as camadas da pele: epiderme, derme e hipoderme. As rugas e linhas de expressão aparecem, a flacidez aumenta e algumas manchinhas também surgem. Mas esses não são os únicos problemas”, alerta a médica.

Com a redução da adesão das camadas epiderme-derme, diminuição da elasticidade cutânea e ainda alteração da secreção de sebo e suor, a pele fica mais suscetível ao meio ambiente. A dermatologista explica também que algumas doenças causam a fragilidade da pele. Segundo ela, na terceira idade o aparecimento de doenças como diabetes, hipertensão e problemas circulatórios, que se não forem tratados adequadamente, deixam a pele mais sensível e sujeita a lesões. “Além disso, como a cútis fica mais desnutrida, se a lesão não for tratada de maneira adequada pode causar problemas crônicos”, destaca.

A médica ressalta que a fragilidade da pele varia de pessoa para pessoa dependendo de fatores como a pré-disposição genética, tabagismo, má alimentação, excesso de bebidas alcoólicas, doenças e também pelo excesso de exposição solar durante a vida toda. “Para prevenir doenças e ter um envelhecimento cutâneo saudável é importante o acompanhamento médico”, adverte Tatiane.

O Viver Mais VITA – Melhor Idade inicia com um café da manhã, seguido pela palestra e por atividades físicas e culturais, que têm como objetivo incentivar e melhorar os hábitos de vida dos idosos. O programa conta com o apoio do Lanac – Laboratório de Análises Clínicas, que oferece exames preventivos aos 30 primeiros inscritos. Para ingressar no evento, que tem vagas limitadas, é necessário fazer inscrição pelo telefone (41) 3883-8414​.

Terceira idade
Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontam que, no Brasil, são quase 26,1 milhões de pessoas com mais de 60 anos, ou seja, 13% dos habitantes do país, mas a estimativa é que em 2060 salte para 56 milhões. No mundo, o número de idosos com idade acima dos 65 anos era de 506 milhões em 2008, segundo o Departamento do Censo dos EUA. A entidade prevê que a terceira idade represente 14% da população global até 2040.

SERVIÇO:
Programa Viver Mais VITA – Melhor Idade
Palestra “Dermatologia e idosos”, com Dra. Tatiane Bacchi Gehlen Lenzi de Araújo
Data: sábado, 24 de junho, a partir das 8h30
Local: Hospital VITA Batel – Rua Alferes Ângelo Sampaio, 1.896 – Batel – Curitiba – PR
Entrada Gratuita (vagas limitadas)
Informações e inscrições: (41) 3883-8414
www.hospitalvita.com.br

Sobre o Hospital VITA – A primeira unidade da Rede VITA no Paraná foi inaugurada em março de 1996, no Bairro Alto, e a segunda em dezembro de 2004, no Batel. O VITA foi o primeiro hospital brasileiro a conquistar, no início de 2008, a Acreditação Internacional Canadense CCHSA (Canadian Council on Health Services Accreditation). A certificação de serviços de saúde avalia a excelência em gestão e, principalmente, a assistência segura ao paciente. Além disso, o VITA é um dos hospitais multiplicadores do Programa Brasileiro de Segurança do Paciente (PBSP). Ele visa disseminar e criar melhorias inovadoras de qualidade e segurança do paciente. Integra também o grupo de hospitais da Associação Nacional de Hospitais Privados – ANAHP.O VITA oferece atendimento 24 horas e é referência nas áreas de cardiologia, cirurgia geral, neurologia, cirurgia bariátrica, medicina de urgência, urologia, terapia intensiva, traumato-ortopedia e pediatria. Além disso, dispõe de um completo serviço de medicina esportiva, prestando atendimento a atletas de diversas modalidades; serviço de oncologia; Centro Médico e Centro de Diagnósticos. Para garantir um alto nível de qualidade nos serviços prestados aos pacientes, o VITA tem investido em ampliação da infraestrutura, tratamentos com equipes multidisciplinares, modernização dos equipamentos, humanização no atendimento, qualificação dos profissionais e segurança assistencial.

AGÊNCIA 110 ABRE VAGA DE ESTÁGIO EM PLANEJAMENTO DE CONTEÚDO

Vaga na Agência 110 para Estágio em Planejamento de Conteúdo com foco em Inbound Marketing. Vaga para estagiar em Curitiba.

atividades: Desenvolvimento de pautas para blogs e materiais ricos; Levantamentos de palavras-chave otimizadas; Criação de briefings e propostas de conteúdos com base nos princípios do marketing de conteúdo e funil de vendas; Trabalhar com o time estratégico para garantir que o cliente receba conteúdos de alta qualidade;

requisitos: Conhecimento de Google Trends, Google Analytics, SEO, Keyword Planner; Conhecimento em Marketing de Conteúdo (persona, tipos de conteúdo e etapas do funil de vendas); Familiaridade ou experiência com webwriting/blogs; Facilidade em elaborar briefings;  Domínio do português; Excelente capacidade de pesquisa; Diferenciais: Certificação em Inbound Marketing pelo HubSpot; Certificação em Inbound Marketing pela Resultados Digitais;

Interessados enviem currículo para contato@agencia110.com.br / E-mail com título: “Estágio | Planejamento de Conteúdo”.

fonte