MÚSICO DO QUINTETO ASTOR PIAZZOLLA TEM CONEXÃO COM O BRASIL

Quinteto Astor Piazzolla se apresenta na Ópera de Arame em Curitiba, e entre seus solistas está Lautaro Greco, que já tocou em DVD ao vivo da cantora Marisa Monte

Curitiba, 27/10/17 – Lide Multimídia – Curitiba receberá o espetáculo musical do Quinteto Astor Piazzolla, que se apresentará na Ópera de Arame (Curitiba, PR) em 10 de novembro. Com o objetivo de tocar músicas de Astor Piazzolla, o grupo foi formado na Argentina há mais de 20 anos pela viúva do músico, Laura Escalada, que designou cinco solistas com a finalidade de continuar difundindo o legado do famoso maestro e compositor portenho que revolucionou o tango.

Todos os cinco músicos têm históricos admiráveis. Um deles tem até uma conexão com o Brasil. Trata-se de Lautaro Greco, que toca bandoneón, instrumento de fole que é um dos símbolos do tango. Greco pode ser visto entre os músicos que tocam no DVD ao vivo “Verdade, Uma Ilusão”, da cantora Marisa Monte, lançado em 2014. O bandoneonista pode ser visto tocando seu instrumento durante a música “Lencinho Querido (El Panuelito)”.

Ingressos à venda
O primeiro lote de ingressos já está à venda pelo Disk Ingressos, com disponibilidade de camarotes e três setores na plateia, com preços diferenciados de acordo com a localização. Até o momento, esta é a única apresentação que o conjunto musical tem agendada no Brasil. O show tem produção da Planeta Brasil e 302 Produções, com apoio da Fundação Astor Piazzolla.

Histórico do Quinteto Astor Piazzolla
O Quinteto foi a formação musical que melhor expressou as idéias do maestro Piazzolla, acompanhando-o nos momentos mais destacados de sua vertiginosa carreira internacional. Sua primeira formação data dos anos 60 com um som provocativo e às vezes melódico, causando um furor entre o público jovem. Em 1978 começa um segundo período absolutamente diferente, com uma proposta musical mais elaborada e intelectual.

Após a morte de Astor Piazzolla em julho de 1992 e com a criação da Fundação Astor Piazzolla, uma nova etapa começou. Para continuar espalhando o legado do maestro, Laura Escalada Piazzolla decidiu formar um novo grupo com cinco virtuosos solistas, capazes de interpretar o vasto trabalho do compositor que revolucionou o tango.

Esta é a formação atual que se apresenta em Curitiba, e que tem viajado pelo mundo há mais de 20 anos, aclamado pela imprensa internacional como o único conjunto musical capaz de representar o estilo único e irrepetidável do grande Astor Piazzolla.

Serviço:
Quinteto Astor Piazzolla
Data: 10 de novembro (sexta-feira)
Horário: abertura às 19h. Previsão de início de show às 21h
Local: Ópera de Arame (Rua João Gava, 874 – Abranches – Curitiba, PR)
Ingressos: à venda pelo Disk Ingressos no telefone (41) 3315-0808, no site www.diskingressos.com.br/evento/6922 e nos pontos fixos nos shoppings Mueller, Estação e Palladium.
Classificação: 16 anos (menores somente acompanhado do responsável, é necessário levar documento de identidade)
Telefones para informações: (41) 3362-1302 / 99222-0316
Página do evento no facebook, aqui

LOJA DAS PULGAS ::: ESPAÇO VINTAGE

  

Venha conhecer o espaço de antiguidades da LOJA DAS PULGAS. Se você ainda não conhece, a Loja das Pulgas é uma loja de usados que trabalha em parceria com a  Associação do Amigo Animal  – associação que abriga cerca de 1000 cachorros resgatados (em Curitiba e região) e os encaminha (vacinados, castrados e desverminados) para adoção responsável. Conheça esse lindo trabalho, aqui.

Nós, do FATO AGENDA, estamos orgulhosos dessa parceria, porque ajudando a Loja a vender também estaremos contribuindo com os animais recolhidos pela Associação!


Mais de 500 discos selecionados. E mais algumas centenas para decoração: discos soltos (a R$1,) e discos coloridos(R$15). Discos de rock, mpb, samba, sertanejo, música erudita e várias coletâneas e box.


Discos compactos, discos de vinil e baquelite.

Móveis antigos, relíquias, curiosidades, brinquedos, colecionáveis. Na loja você encontra!


Centenas de livros e revistas! E os preços são ótimos, venha conferir!!!

A LOJA DAS PULGAS fica na Rua Pe Paulo Warkocz, 29, CIC / Orleans, Curitiba.  Próx. ao cemitério / viaduto do Orleans e ao Colégio Santo Antônio. Das 8h às 18h.  Sábado até as 13h. Venha nos visitar!!! Fone: (41) 9 9745-52 94 (Leandro / antiguidades) / (41) 9 9658-2486 (LU) / (41) 9 9618-7040 (JUNIOR).

ZÉ MARIA RECEBE A 2ª EDIÇÃO DO FESTIVAL DE TEATRO ESTUDANTIL

Evento contará com a participação de 11 instituições de ensino em quatro dias de apresentações

Entre os dias 27 e 30 de outubro, grupos de teatro de 11 escolas da capital paranaense estarão reunidos em um mesmo palco para celebrar a arte da cena. Trata-se da 2ª edição do Festival de Teatro Estudantil, uma realização da Cia Jully Grisbach e do Parque da Criança com a parceria do Teatro Zé Maria. O espaço conhecido como Teatro da Classe, pertencente ao Centro Cultural Teatro Guaíra, receberá os espetáculos dos grupos inscritos com ingressos a preços populares. Uma excelente oportunidade de incentivar o público jovem à apreciação artística e valorizar o fazer teatral entre as crianças e os adolescentes.

Mais de 15 espetáculos teatrais adaptados para o público infanto-juvenil serão colocados em cena durante o Festival de Teatro Estudantil. Clássicos da literatura e da dramaturgia nacional e internacional estão entre as montagens, como: Megera Indomável – de Shakespeare, O Auto da Compadecida – de Ariano Suassuna, Arlequim Servidor de Dois Amos – de Molière, O Pequeno Príncipe – de Antoine de Saint-Exupéry e Les Misérables – de Victor Hugo.

Além das apresentações, o evento proporcionará um momento de discussão sobre o ensino das artes cênicas nas escolas com a participação dos especialistas do grupo Psicologia no Palco e a presença de professores de teatro e alunos que contribuirão em uma grande mesa redonda a ser realizada no encerramento do Festival, no dia 30 de outubro.

“Será um momento enriquecedor para Curitiba em diferentes sentidos. Proporcionará o contato do público curitibano com uma mescla variada de adaptações de importantes textos teatrais, incentivará os estudantes de teatro no exercício da arte e na apreciação do trabalho de outros grupos e possibilitará aos educadores uma rica troca de saberes práticos e teóricos em um período onde o ensino do teatro tem sido cada vez mais valorizado no currículo da educação básica”, ressalta Jully Grisbach, professora de teatro e organizadora do evento.

Serviço:
2ª edição do Festival de Teatro Estudantil
Datas: 27, 28, 29 e 30 de outubro Horários: Sexta (27), com apresentações das 19h às 22h. Sábado (28) e domingo (29), espetáculos das 10h às 22h. Segunda (30), às 20h.
Local: Teatro Zé Maria Endereço: Rua 13 de Maio, 655 – Centro Histórico De Curitiba.
Ingressos: R$ 9,00 – preço único.

Escolas participantes: Colégio Bagozzi, Colégio Positivo Júnior, Colégio Marista, Escola Santa Terezinha, Colégio Passionista, Colégio Sagrado Coração, Colégio Nossa Senhora do Rosário, Colégio Nossa Senhora de Fátima, Colégio Militar, Colégio Integral, Colégio Santo Anjo.

Programação de espetáculos:

Sexta-Feira | 27/10:
19hrs – Colégio Santo Anjo – Espetáculo “O Mistério da Toca da Fumaça”.
20h30min – Colégio Senhora de Fátima – Espetáculo “Megera Indomável”.

Sábado | 28/10:
10hrs30min – Colégio Pe. João Bagozzi – Espetáculos “Faça Brilhar” e “Festa no Apartamento 13”.
13hs – Colégio Sagrado Coração – Espetáculo “A Devoção a Nossa Senhora”.
15hs – Colégio Militar – Espetáculos “O Auto da Compadecida” e “Desencantadas”.
17hs – Colégio Passionista Nossa Senhora Menina – Espetáculo “Eu e Flictz”.
19hs – Colégio Nossa Senhora do Rosário – Espetáculos “Joaninha sem bolinhas” e “Por trás das portas”.

Domingo | dia 29/10:
11hs – Colégio Positivo Júnior – Espetáculo “Uma confusão de outro mundo”.
13hs – Colégio Integral – Espetáculo “O Pequeno Príncipe” e “Arlequim Servidor de Dois Amos”.
17hs – Escola Santa Teresinha do Menino Jesus – Espetáculo “A Menina que gostava de Bruxinha” e “Outra História”.
19hrs – Colégio Marista Santa Maria – Espetáculo “O Pequeno Príncipe” e “Les Misérables”.

Segunda | 30/10:
18h30 – Palestra sobre Psicologia no Palco e mesa-redonda para Professores de Teatro (Aberto ao público)
20hs – PREMIAÇÃO

Mais informações e venda de ingressos no site oficial do evento: www.festivalteatroestudantil.site.com.br/

THAYANA BARBOSA FAZ TURNÊ POR PRAÇAS E TERMINAIS DE CURITIBA

Cantora fará 15 shows durante a turnê “Música por Todo Canto” acompanhada dos músicos Glauco Solter, Luis Otávio Almeida, Márcio Rosa e Valderval

Terminais de ônibus e praças são locais de passagem, mas também são pontos de encontro. É em busca desses encontros – e das transformações que eles podem provocar – que a cantora Thayana Barbosa levará os shows de sua nova turnê, intitulada “Música por Todo Canto”, a diferentes praças e terminais da cidade de Curitiba.

Acompanhada dos músicos Glauco Solter, Luis Otávio Almeida, Márcio Rosa e Valderval, Thayana apresentará 15 shows gratuitos durante o mês de novembro. Eles serão realizados em locais como os terminais do Pinheirinho e do Santa Cândida, o Mercado Central da Praça Rui Barbosa e a Associação de Moradores Jardim Savóia, no São Braz.

“Eu quero ir até as pessoas, pisar nos lugares onde nunca pisei e descobrir como a minha música é recebida por esse público”, diz a cantora. Para ela, a turnê pode servir tanto para fazer com que sua arte chegue a um novo público, quanto para entrar em contato com agentes culturais e o cenário artístico que se forma em diferentes áreas da cidade.

Novas canções
O repertório a ser apresentado nos shows é composto majoritariamente por novas canções compostas por Thayana em parceria com diversos artistas, como Denise Melo, Marcio Peçanha, Samanta Akemi e Sérgio Justen. Ele inclui ainda três músicas do último trabalho da cantora, o álbum “Mar de Dentro”.

Embora a diversidade de ritmos seja uma característica do show, as influências da cultura popular de Thayana sutilmente permeiam o trabalho, assim como a referências de Glauco Solter, diretor musical do show, e dos músicos que compõem a banda e participaram do processo de criação da apresentação.

Conforme a artista, o show tem um clima “pra cima”, mas as letras das canções trazem também questionamentos importantes. Em “Frevo da Esquina”, por exemplo, uma mulher fala sobre o medo de voltar para casa sozinha à noite, enquanto “O Cabelo de Anelis” trata do empoderamento da mulher.

Serviço
Turnê “Música por Todo Canto”
De 4 a 25 de novembro
04/11 – 16h: Praça Ivan Ferreira do Amaral (Jardim das Américas)
06/11 – 15h30: Terminal Pinheirinho
07/11 – 15h30: Terminal Santa Cândida
08/11 – 13h: Mercado Central – Praça Rui Barbosa
09/11 – 15h30: Terminal Campo Comprido
10/11 – 15h30: Terminal Boqueirão
11/11 – 13h: Praça Júlio Dotti – Terminal Barreirinha
12/11 – 11h30: Conservatório de MPB
14/11 – 19h: Praça San Marco – Feira do Terminal Santa Felicidade
17/ 11 – 16h: Praça ao lado da Casa da Leitura Paulo Leminski – Terminal CIC
20/11 – 15h30: Terminal Guadalupe
22/11 – 13h: Mercado Central – Praça Rui Barbosa
23/11 – 15h30: Rodoferroviária de Curitiba
24/11 – 18h: MuMA – Portão Cultural
25/11 – 15h: Associação de Moradores Jardim Savóia – São Braz

Onde escutar a música de Thayana Barbosa:
Álbum “Mar de Dentro “ no Spotify, aqui
Álbum “Mar de Dentro no Itunes, aqui

Thayana Barbosa
Thayana Barbosa é cantora, atriz, arte educadora e pesquisadora da cultura tradicional brasileira. Pós-graduanda em Canção Popular pela FASM – SP e licenciada em Música pela Faculdade de Artes do Paraná (FAP), foi integrante do Grupo Mundaréu (Curitiba/PR) durante 15 anos, com o qual desenvolveu oficinas, espetáculos e shows por meio de pesquisas e ressignificações das manifestações tradicionais espalhadas por todo Brasil.

Com o grupo, gravou quatro CDs e um DVD. Também foram contemplados em diversos editais, como o prêmio de circulação Miriam Muniz da FUNARTE, Rumos Itaú Cultural, Quintas no BNDS-RJ, Mecenato de Curitiba, Formas Animadas, além de realizar diversas turnês pelo país com espetáculos de música, teatro e teatro de boneco.

Como cantora, participou da montagem de “Clara Crocodilo e Metamorfose”, com a Orquestra a Base de Sopro do CMPB de Curitiba e o Arrigo Barnabé, que resultou num DVD; e a “Ópera Atômica e As Sete Caras da Verdade” (Nico Nicolaiewsky), com direção de Gilson Fukushima e Maurício Vogue.

Foi professora de teoria musical por 13 anos no Conservatório de MPB de Curitiba. Em 2011, iniciou sua oficina Cantar e Batucar, em 2014 lançou seu primeiro álbum autoral intitulado “Mar de Dentro”, e em 2015 estreou seu segundo monólogo infantil de boneco, “Dia Claro Noite Escura”. Com esses três trabalhos segue atuando em festivais, teatros e projetos culturais. Em 2017 participou do I Encontro de Corpo e Voz na Cultura Popular do Instituto de Artes da UNESP, na mesa Singularidades da Pesquisa em Cultura Popular: percursos e achados. E nesse mesmo ano ingressou no grupo L.I.V.E – Laboratório de Improvisação Vocal e Experimentação.

OFICINA DE ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS

A Banguê quer levar a cultura hip hop para todos, com informação e discutindo questões sociais.

Essa oficina gratuita é sobre como fazer um evento acontecer, de qualquer tipo de tema ou tamanho. Com exemplos e conceitos básicos tem intenção de que os participantes tirem suas ideias do papel ou aprimorem projetos já existentes. Mais uma iniciativa voluntária #BanguêCrew para capacitar pessoas dentro da nossa cultura.

“A mudança começa em cada um de nós até se tornar coletiva”

// CONTEÚDO:
Identidade, equipe, locação e recursos, line-up, divulgação & ação.

// MINISTRANTE: Numa
Idealizadora da Banguê, designer, DJ e integrante do Conselho Municipal de Cultura.

// SERVIÇO:
Oficina de Organização de Eventos
Sábado / 11 de Novembro de 2017 / 16h às 20h
Entrada gratuita

// LOCAL:
Palácio Dos Estudantes
Rua Presidente Carlos Cavalcanti, 1157, São Francisco, Curitiba

Confira a página do evento, aqui

IRIA BRAGA CELEBRA 20 ANOS DE CARREIRA COM NOVO ESPETÁCULO

Com entrada franca em todas apresentações, Hawwwwah estreia durante o Festival de Ópera

Entre os dias 23 e 25 de outubro, estreia em Curitiba a Cineópera Hawwwah. Uma peça multimídia que combina diversas narrativas do cinema, do vídeo, da dança, do teatro, da luz, da poesia, da música instrumental, canto e eletrônica. Com concepção geral e composição assinadas por, Indioney Rodrigues, Hawwwah é interpretada pela cantora, Iria Braga que completa em cena 20 anos de carreira. Ao lado deles, Ricardo Janotto traz instrumentos e eletroacústica com a direção geral de Flávio Stein.

Com cerca de uma hora de duração, o espetáculo faz menção à história de Eva, do livro de Gênesis, remetendo-a aos nossos dias, à imagens verossímeis e líricas do nosso cotidiano, especialmente às relações interpessoais emergentes do tempo e do uso da internet. Um pequeno universo de referências se constrói, sobrepondo-se, adensando-se, retorcendo-se sobre si mesmo rumo à eternidade. Além dessa fragmentação temática, textual e de texturas, o público também encontrará em Hawwwah a grande melodia, a ária, o canto plasmado e lírico e a poética de Hilda Hilst, de Gonçalo Tavares e de Adriana Lisboa.

A peça transita rapidamente por diversas cenas, alternando entre processos de improvisação controlada e narrativas fugazes, que se constroem e desconstroem num ritmo frenético. Entremeados de fragmentos de música instrumental e eletroacústica sugerem-se diversos arquétipos do mundo virtual, da palavra inaudita, do timbre robótico, da urgência da comunicação, da necessidade de ser amado e não ser, da dupla personalidade, do mundo todo em todo lugar e da vida toda a todo instante. A peça avança em rotinas sempre renovadas do mesmo e novamente do mesmo.

Com concepção geral e composição de Indioney Rodrigues, Hawwwah é interpretada por Iria Braga (performance cênica, canto e processos criativos), Ricardo Janotto (instrumentos, eletroacústica e processos criativos) e Indioney Rodrigues (instrumentos, eletroacústica e processos criativos), e conta com a colaboração de Alceste Ribas (vídeo), Victor Sabbag (iluminação), Lucas Pereira Nery (design), Rafael Forcadell (código), Silvia Patzssch (preparação corporal e cênica), e direção artística de Flávio Stein.

Serviço:
Hawwwah Cineópera
Quando: 23, 24 e 25 de outubro
Onde: III Festival de Ópera do Paraná Curitiba
Local: Guairinha
Endereço: Rua XV de Novembro, 971 – Centro de Curitiba
Horário: 20h
Informações: (41) 3304-7900
ENTRADA FRANCA

VIGOR MORTIS FAZ ÚLTIMAS APRESENTAÇÕES DE ACORDEI CEDO NO DIA EM QUE MORRI E OFERECE PALESTRAS GRATUITAS

Todas as fotos deste post são de Lucia Biscaia

 São duas oportunidades para ouvir o diretor Paulo Biscaia Filho falar sobre Cinema Trash e Ed Wood

As últimas sessões da nova montagem da Vigor Mortis ­— Acordei Cedo no Dia em Que Morri — acontecem nesta semana em Curitiba. A peça fica em cartaz até 22 de outubro, no Ave Lola, com ingressos no sistema pague-quanto-vale. E, para comemorar o final da temporada de sucesso com casa lotada e também os 20 anos da companhia, o diretor Paulo Biscaia Filho fará duas palestras gratuitas.

Na sexta, dia 20 de outubro às 14h, o tema é Cinema Trash: de onde vem o termo e quais os cineastas e filmes que melhor representam o tal “cinema lixo” que é tão cultuado por hordas de fãs do gênero. O papo será um convite para conhecer mais sobre este cinema alternativo e deliciosamente bizarro, que vai de filmes com monstros gigantes a produções estreladas por espiãs com microcâmeras embutidas nos seios.

E no sábado, dia 21 de outubro às 14h, é a chance para saber mais sobre o artista que inspirou a peça Acordei Cedo no Dia em que Morri: Edward D. Wood Jr., conhecido como o pior diretor de todos os tempos. Paulo Biscaia Filho vai conversar sobre como o artista conseguiu esse dúbio título, como os tormentos da vida do cineasta influenciaram sua obra e por que seus filmes podem ser considerados obras de “cinema de autor”.

Sobre Acordei Cedo no Dia em Que Morri:
O espetáculo é um passeio de trem-fantasma na mente de Ed Wood, com todos elementos icônicos da criatividade do cineasta: vampiros, alienígenas, monstros com superpoderes e também a atmosfera de filmes lado B dos anos 50. A ação acontece diante de uma tela gigantesca, onde são projetadas cenas captadas em tempo real no palco. O enredo coloca a personalidade da companhia em evidência, integrando outras linguagens ao teatro, com estética impactante, tecnologia, temas do universo do terror e comicidade. Acordei Cedo No Dia em Que Morri é uma realização da Vigor Mortis com incentivo de Celepar e do Programa de Apoio e Incentivo à Cultura – Fundação Cultural de Curitiba e Prefeitura Municipal de Curitiba. Direção de Paulo Biscaia Filho, com assistência de Gabriela Valcanaia. No elenco, Guenia Lemos, Camila Fávero, Ricardo Nolasco e Luiz Bertazzo. Cenário de Guenia Lemos, figurino de Guilherme Almeida, iluminação de Wagner Correa e Produção da Duplo Produções e Formiga Produtora.

Serviço Palestras:
Palestra sobre Cinema Trash com Paulo Biscaia Filho

Dia 20/10 (sexta-feira) – Horário: das 14h às 16h
Local: Ave Lola Espaço de Criação. R. Mal. Deodoro, 1227. Centro. Curitiba-PR
Palestra sobre Ed Wood com Paulo Biscaia Filho

Dia 21/10 (sábado) – Horário: das 14h às 16h
Local: Ave Lola Espaço de Criação. R. Mal. Deodoro, 1227. Centro. Curitiba-PR

Inscrições gratuitas: pelo email producaoduplo@gmail.com ou diretamente no local no início do evento. Sujeito à lotação. Serão emitidos certificados para os participantes.
Informações: por whatsapp 41 99975-6048

Serviço:
Espetáculo – Acordei Cedo no Dia em Que Morri
Local: Ave Lola Espaço de Criação. R. Mal. Deodoro, 1227. Centro. Curitiba-PR
Temporada: até 22 de outubro. (última semana em cartaz)
Dias e horários: quartas e domingos às 20h. Quintas, sextas e sábados às 23h59.
Ingressos: Pague Quanto Vale
Lotação: 58 lugares.
Duração: 60 minutos.
Classificação indicativa: 14 anos
Reservas e informações: www.avelola.net.br / Duplo Produções – 41 99975-6048

JÔ NUNES É O DESTAQUE DO VOZES DA CIDADE DESTE MÊS

Projeto do Sesi Cultura promove shows musicais gratuitos no Centro Cultural Heitor Stockler de França

A edição de outubro do projeto Vozes da Cidade traz a cantora Jô Nunes acompanhada do guitarrista, compositor e produtor musical Humberto Piccoli. Juntos, eles apresentarão o show “Meu Canto Brasileiro” pelo Sesi Cultura em versão acústica – voz e guitarra. Esse é o mais novo projeto da cantora, um DVD com 14 músicas divididas em canções autorais e releituras de obras de compositores contemporâneos, além de clássicos de grandes nomes da música nacional. A apresentação acontece na próxima quinta-feira (19), no charmoso espaço do Centro Cultural Sesi Heitor Stockler de França.

Jô Nunes possui formação em Musicoterapia pela Faculdade de Artes do Paraná – Unespar/FAP. Ela é professora de canto e técnica vocal, além de compositora e cantora. O seu primeiro CD solo foi “Passarinha”. Em seu novo álbum, “Meu Canto Brasileiro”, a artista – que também é percussionista nos grupos Brejeiras e Paranambuco – traz composições próprias aliadas a releituras de obras clássicas do cancioneiro nacional.

O formato do show no Centro Cultural Sesi Heitor Stockler de França é mais enxuto e intimista, dando aos músicos a possibilidade de revisitar arranjos e explorar uma performance diferenciada. A ideia é levar ao público um espetáculo cheio de novidades e sutilezas sonoras, uma combinação perfeita para um show na belíssima sala de concerto da Casa Heitor.

SERVIÇO:
Sesi Cultura Paraná apresenta
Vozes da Cidade com Jô Nunes
Data: 19/10/2017
Horário: às 20h
Valor: Gratuito
Classificação: Livre
Local: Centro Cultural SESI Heitor Stockler De França
Endereço: Av. Mal. Floriano Peixoto, 458 – Centro, Curitiba
Observação: Sujeito a lotação
Mais informações:
www.sesipr.org.br/cultura/EventAgenda27805content357465.shtml
www.sesipr.com.br/cultura/
www.facebook.com/sesiculturapr/

SESI CULTURA
Foi em 2008 que a Regional Paraná do Serviço Social da Indústria inaugurou uma área especificamente dedicada ao desenvolvimento de ações culturais ancoradas nas diretrizes previstas na Declaração Universal dos Direitos do Homem, como a diversidade, a pluralidade e a autonomia. Desde então, o Sesi Cultura Paraná tem promovido o acesso à cultura com foco em programas de formação artística e cultural, investindo em processos criativos, formação de plateia para todas as linguagens e na formação e desenvolvimento cultural com vocação local. O Circuito Cultural Sesi, o Festival Sesi Música, os Núcleos Criativos do Sesi, o Zoom Cultural, os Programas Sesi Música, Sesi Arte, Sesi Audiovisual e Sesi Artes Cênicas são exemplos de programas desenvolvidos pela Gestão Cultural do Sesi. De 2008 até 2016, mais de 927 mil espectadores tiveram acesso à cultura por meio de cerca de 7,5 mil eventos realizados pelo Sesi Paraná. Todas essas ações sempre tiveram como objetivo o acesso ao bem cultural para o trabalhador da indústria, seus dependentes e para a comunidade de um forma geral, além da difusão da arte em todas as suas manifestações, valorizando a diversidade e a pluralidade do povo brasileiro.

COM CENÁRIO MULTIDIMENSIONAL LUIZA LIAN TRAZ SHOW DO NOVO DISCO EM CURITIBA

crédito foto: Fernando Banzi

Oyá Tempo foi indicado pelo APCA como um dos melhores discos do ano e será apresentado neste sábado (14)

O selo Misturi-C apresenta neste sábado (14), a partir das 19h, em Curitiba, no Espaço Fantástico das Artes, o show de lançamento do álbum visual Oyá Tempo da cantora e compositora, Luiza Lian. Lançado pelo selo RISCO e com produção de Charles Tixier (Charlie e os Marretas/Holger), a performance de Oyá ganhou destaque pela mídia especializada pelas apresentações no Festival Bananada, Virada Cultural, Audio Club, MECAInhotim entre outros e, o álbum já está lista de melhores do ano da APCA. Além da apresentação inédita na capital, a noite conta ainda com a discotecagem de Adri Menegale, Mi# e Tone RMS.

O álbum foi concebido a partir de duas vertentes: as composições/cânticos umbandísticos e a incursão pelo mundo do “spoken word”. Envolto em uma atmosfera eletrônica, Oyá Tempo busca atualizar a ponte tradição/contemporaneidade. Sampleia e distorce músicas tradicionais, estabelece um trip-hop em diálogo direto com a música brasileira, mescla espiritualidade e vida em um funk desconstruído e aprofunda o encontro sonoro entre metrópole e raíz.Oyá Tempo é a representação da encruzilhada das cidades, o cruzamento de nossas múltiplas ancestralidades com os ventos globais que caracterizam esta época.

Das singularidades do projeto, Luiza Lian lançou Oyá Tempo em formato digital e fita k7. O álbum visual conta com um filme média-metragem, produzido pelo Filmes da Diaba, com direção de Camila Maluhy e Octávio Tavares e as participações da cantora Nina Oliveira e o rapper Diggão (Rodrigo S.). Por meio deste experimento audiovisual, a artista anuncia um novo movimento, um mergulho intimista, no qual se revela sua verdadeira identidade. A narrativa sonora e visual de Oyá Tempo conta ainda com um site produzido pelo artista visual, Dedos (Rafael Trabasso) onde o ouvinte tem uma nova narrativa visual, com um novo caminho para a apreciação da obra.

A Misturi-C é um convite para estourar a própria bolha e se permitir experimentar o novo em festas que promovem a mistura de sons, ritmos e pessoas. Afinal, poucas coisas são tão boas nessa vida quanto sair da mesmice de sempre e ver que tem muita coisa para descobrir em Curitiba. A Misturi-C como o próprio nome já diz: é tempo de se misturar e de ampliar os temas e os lugares das festas. Um dia, pode ser na rua, no outro, no jardim de um bar. Um dia, pode ser black music, no outro, puro tropicalismo. A Misturi C vem para responder uma pergunta: por que não?

Os ingressos antecipados podem ser adquiridos no Boteco Ornitorrinco na Rua Benjamin Constant, nº 400 e no Pizza da Rua Vicente Machado, 787. No dia do show, os ingressos serão vendidos a partir das 20h no próprio local do evento. 

Serviço:
Mistui-C com Luiza Lian
Local: Espaço Fantástico das Artes
Endereço: Alameda Princesa Izabel, 465, São Francisco, Curitiba
Horário: 20h
Quando: 14 de outubro (sábado)
Ingressos: R$30 (R$15 meia entrada)

É HOJE!!!! SALDÃO LOJA DAS PULGAS

HOJE, quarta-feira, dia 11 de outubro, a Loja das Pulgas promove SALDÃO de preços baixos!!! 

Descontos de até 50% em roupas, sapatos, tênis, utensílios de cozinha, moda pet, livros, peças de decoração, entre outros.

Obs.: Os móveis usados, eletrodomésticos, discos de vinil e antiguidades também terão bons descontos!!!

Venha aproveitar!!! Amanhã, dia 11 de outubro, véspera do feriado do dia das crianças, a partir das 8h até às 18h!!!

Venha visitar a Loja das Pulgas, aqui você encontra de tudo: móveis usados, brechó de roupas, sapatos, livros, discos, acessórios e moda pet, brinquedos, antiguidades e muito mais. E os preços são ótimos!!!

A Loja das Pulgas recebe e vende todo tipo de doação em parceria com a Associação do Amigo Animal, que abriga 1000 cães resgatados de maus tratos.

Loja das Pulgas: Rua Pe Paulo Warkocz, 29, CIC / Orleans, Curitiba. Das 8h às 18h. Sáb. até às 13h.

Prestigie nossos patrocinadores! 

#lojadaspulgas

fonte