MEMÓRIA, CORPO DE LUTA

• AIREZ • Galeria de Artistas Independentes convida para abertura da exposição “MEMÓRIA, CORPO DE LUTA, por Bianca Turner.

Primeira individual da artista paulistana que tem passagem pela Royal Central School of Speech and Drama, de Londres, acontece dia 12 em Curitiba na Galeria AIREZ.

A exposição exibirá vídeo instalações e uma ação multimídia ao vivo com a artista que acontece na noite de abertura.

As obras remetem ao lapso de memória política recente e visitam temas sensíveis no que se refere à ausência de reverberação desta memória faltante na sociedade atual.

A mostra integra a seleção de artistas da AIREZ, que proporciona um recorte de artistas lens-based, ou seja, que trabalham com foto e vídeo em seus processos criativos.

“Bianca Turner tem muita relevância no que faz e seu trabalho é extremamente atual. A ausência da memória enquanto nação é um ponto pertinente ao debate hoje e seu trabalho é uma investigação desta questão traduzida em imagens e performances.”- comenta Guilherme Zawa, curador e responsável pela Galeria AIREZ.

Serviço:
Abertura dia 12 de julho, 19h30.
Período de exposição: de 12 de julho a 3 de agosto.
Horário: ter – sex / 13h – 19h
AIREZ GALERIA: Rua Treze de Maio 778, cj 15, São Francisco,  Curitiba
Entrada Gratuita
Confira a página do evento no facebook, aqui

CHAMADA PARA REPRESENTAÇÃO NACIONAL E INTERNACIONAL

A AIREZ GALERIA seleciona artistas visuais para representação durante o prazo de dois anos, com inserção no mercado nacional e internacional, bem como, a criação de produtos artísticos e culturais com artistas selecionado(a)s.

O projeto prevê uma taxa de inscrição convertida em: impressão fine art, catálogo, exposição, montagem, convites, coquetel, assessoria de imprensa, eventos para assessoria de vendas e produção. 

A taxa é única e apenas para o(a)s selecionado(a)s. Portanto, a inscrição é gratuita. 

O pagamento de referida taxa é a única maneira de viabilizar tamanha produção, e também de remunerar de forma garantida a galeria, posto que, a AIREZ é uma galeria de artistas independentes e não exige exclusividade por parte dos artistas, pelo contrário, fazer os artistas venderem e se tornarem conhecidos é o nosso principal objetivo.

Apenas artistas visuais serão selecionado(a)s.  A seleção se dá por análise completa do portfólio e bio do artista. Cada caso será selecionado conforme sua especificidade pois, uma vez que trabalharemos juntos por dois anos consecutivos, o trabalho do artista precisa estar de acordo com a linha curatorial da galeria. 

Artistas de todas as nacionalidades podem se inscrever e não há limite de idade.

Line-up da produção AAA 18-20:
–  Representação pela galeria AIREZ nacionalmente através de nosso escritório em Curitiba e internacionalmente através de agência baseada em Paris e Londres;
– Apresentação dos trabalhos e trajetórias através da revista (Z)AIRE_ ®;
– Atendimento/representação para vendas através do nosso site loja e de nosso escritório em horário comercial;
– Elaboração de catálogo em formato livro arte com tiragem numerada;
– Impressão de uma cópia fine art em pequeno formato;
– Exposição coletiva na AIREZ Galeria, em Curitiba no mês de agosto;
– Apresentação de material para marchands e colecionadores;
– Criação de campanhas de marketing com o material dos artistas;
– Divulgação do catálogo impresso nas principais feiras de livro arte do país.
– Assessoria de imprensa nacional;
– Seleção para entrevista exclusiva na R.NOTT revista virtual de arte e cultura;
–  Eleição para bolsa acompanhamento na AIREZ em Curitiba.

Mais informações: aqui

BIENAL DE ARTE DIGITAL REALIZA ÚLTIMA PALESTRA GRATUITA NESTA SEXTA

Sayuri Kashimura Bridge Gallery Bangcok

A The Wrong – New Digital Art Biennale realiza bate papo com artistas do cenário da arte digital em Curitiba, no EBANX

Nesta sexta-feira (19), a partir das 19h30, a The Wrong – New Digital Art Biennale considerada uma das maiores e mais diversificadas bienais de arte e cultura digital apresenta a palestra “Como a arte e tecnologia se desenvolvem na educação e na economia criativa?”. A entrada é gratuita mas os ingressos devem ser emitidos pela plataforma Sympla a partir neste link

Participam da mesa, a doutora em Comunicação Social e artista multimídia, Ana Lesnovski, o comunicador e designer gráfico, Castro Pizzano, aIdealizadora e head de comunicação do Festival Subtropikal de criatividade urbana, Bruna Calegari, com a mediação da mestranda na área de Mediações e Culturas do Programa de Sociedade e Tecnologia da UTFPR, Shana Lima

O evento faz parte da Bienal que está em cartaz na Galeria AIREZ onde estão expostas as obras de dez artistas nacionais e internacionais, entre eles estão, Leandro Catapam, Sayuri Kashimura, Guilherme Zawa, Hebert Baioco, Livenoistupi, Dina Karadžić, Adam Pizurny, Mattis Dovier, Looping Lovers e Connor Sherlock.

Serviço:
Data: 19 de janeiro
Hora: 19:30
Local: EBANX – Rua Mal. Deodoro, 630 – Centro, Curitiba – PR
Entrada Gratuita mediante retirada de ingresso no Sympla: aqui
Informações: thewrong@subli-me.org

BIENAL DE ARTE DIGITAL FUNCIONA EM HORÁRIO DIVERSIFICADO DURANTE O FINAL DE ANO

mattis dovier inside

A The Wrong – New Digital Art Biennale considerada a maior e mais diversificada bienal internacional de arte e cultura digital, entra em recesso entre os dias 22/12 e 03/01. Em cartaz na AIREZ – Galeria de Artistas Independentes a partir do dia 04/01 (quinta-feira) o espaço retorna com as atividades normais com visitas guiadas entre às 10h e 18h.

Fundada pelo empreendedor cultural, escritor e artista maker espanhol David Quiles Guilló, desde 2013 a The Wrong tem o objetivo de criar, promover e fomentar o pensamento inovador artístico. Para Flávio Carvalho, curador da exposição na cidade e participante de exposições renomadas do segmento de arte e tecnologia, como a Madatac em Madrid, o Subtle Technologies Festival em Toronto e o Bideodromo na Espanha, entre outros, o evento evoca a transformação na cidade em vários aspectos.

Com dez artistas nacionais e internacionais a exposição apresenta diversas linguagens sobre a arte digital, entre eles estão, Leandro Catapam, Sayuri Kashimura, Guilherme Zawa, Hebert Baioco, Livenoistupi, Dina Karadžić, Adam Pizurny, Mattis Dovier, Looping Lovers e Connor Sherlock. Em janeiro, o evento também realiza worskhops e palestras no espaço EBANX e em breve será divulgada toda a programação.

SERVIÇO:
The Wrong – New Digital Art Biennale
Galeria AIREZ
Rua Treze de Maio, 778 ap. 15 – São Francisco, Curitiba
A partir do dia 04/01/2018
Curitiba-PR

SOBREPOSIÇÃO FRAGMENTO DA OBRA EM PROGRESSO

Sobreposição é uma performance que investiga camadas históricas. Nas paredes da Airez Galeria e no espaço público ao redor, a artista Ana Ferreira projeta imagens de sua busca por algo remoto em sua própria história. Entre escavar e projetar, transformam-se origens e fins.

A performance é parte da Obra em Progresso que dialoga com o livro Finnegans Wake de James Joyce. Mais aqui

Quem:
Concepção, criação e performance de Ana Ferreira.
Colaboração criativa e arte gráfica de Guilherme Zawa.

Quando:
1o de dezembro (sexta-feira) às 21h00.*

Onde:
Airez Galeria – Rua Treze de Maio, 778, Sala 15 – Curitiba, PR.

Quanto:
Entrada gratuita.

*Coquetel servido a partir das 20h30.

Evento no facebook: aqui

A •AIREZ• GALERIA DE ARTISTAS INDEPENDENTES CONVIDA PARA A ABERTURA DA COLETIVA AIREZ 2017 “METANÓIA”


A coletiva apresenta 137 artistas selecionados através de convocatória nacional. O resultado é um recorte do fazer artístico de todas as regiões brasileiras que será mostrado em suporte digital nos três primeiros dias de abertura e depois dividido em 6 breves exposições com integrantes da coletiva que ocuparão a galeria nos meses de outubro e novembro.

A mostra chama a atenção pela profundidade expressiva de artistas renomados e sua permanência ao lado de novos artistas. É o caso de Leo Caobelli (fundador do Coletivo Garapa e ganhador da Bolsa Zum de Fotografia), ou Felipe Abreu (editor da Revista OLD), ou ainda, Polyanna Morgana (mestre e doutora em poéticas contemporâneas). A lista é longa e significativa, parte do projeto da AIREZ em apresentar um número relevante de processos artísticos variados.

A abertura será dia 29 de setembro (19h) e será marcada também pelo show da cantora e compositora Janine Mathias.

Conheça a lista completa de artistas: aqui

O evento integra o Circuito de Galerias da Bienal Internacional de Curitiba 17’.

Cronograma:

| 29 de setembro – sexta |
19h00 – Abertura da mostra oficial
19h30 – Perfomance de Renam Canzi
20h00 – Show Janine Mathias

| 30 de setembro – sábado |
14h-18h – mostra oficial
15h – Ação de Thais G. de Menezes

|01 de outubro – domingo |
14h -18h – mostra oficial
*discotecagem de Flávio Carvalho

É necessário preenchimento da lista de entrada: aqui

SERVIÇO:
Exposição: Coletiva AIREZ 2017 “Metanóia”
Curadoria: Guilherme Zawa
Produção: Ana Rivelles
Local: • AIREZ • Galeria de Artistas Independentes.
Data de abertura: 29 de setembro, 19h.
• AIREZ • Galeria de Artistas Independentes – Rua 13 de maio,778, cj 15 . São Francisco – Curitiba.
Horários de visitação: 13h às 19h (segunda a sexta).
Entrada Gratuita.
Evento Facebook: aqui

QUEER QUARREL

AIREZ • Galeria de Artistas Independentes apresenta: QUEER QUARREL, por Tom Lisboa

“Quando imaginei a ressignificação da sigla MBL (de Movimento Brasil Livre para Museu das Bichas Livres), “apenas” a exposição QUEERMUSEU, do Santander Cultural, de Porto Alegre, havia sido fechada. No espaço de uma semana, outras obras foram apreendidas no Mato Grosso do Sul e o espetáculo “O Evangelho Segundo Jesus, Rainha do Céu” teve sua temporada cancelada no SESC Jundiaí por provocar reflexões sobre a questão de gênero.

QUEER QUARREL é uma inconformada reação ao cenário atual e possível alerta sobre o que está por vir. A invisibilidade é uma condição que certos grupos tentam impor a outros seres humanos por não se adequarem a um padrão considerado vigente. Uma situação paradoxal, é bom deixar claro. As diferenças não devem ser associadas à escuridão mas à claridade que dá forma às principais perguntas de nossa existência.

Neste embate entre o que se quer ver e ser, construímos nossas QUARRELS. Felizmente esta tentativa de apagamento de um modo de viver veio cercada das mais diversas iniciativas em sentido contrário. Não podemos nunca nos esquecer que, se um espaço for fechado, faz-se necessário inaugurar outros. Se a censura nos proibir de dizer algo, precisamos falar de outro jeito e mais alto.

We will survive.”
Tom Lisboa

SERVIÇO:
Exposição “QUEER QUARREL”, por Tom Lisboa
Curadoria: Tom Lisboa
Local: • AIREZ • Galeria de Artistas Independentes
Data de abertura: 20 de setembro, 19h.
AIREZ • Galeria de Artistas Independentes – Rua 13 de maio,778, cj 15 . São Francisco – Curitiba.
Horários de visitação: 13h às 19h (segunda a sexta)

Evento Facebook: aqui